Globosat apresenta a empresa G2C

Buscar

Mídia

Publicidade

Globosat apresenta a empresa G2C

Nova divisão substitui a Net Brasil, ficando responsável pela comercialização de todo o portfólio de canais pagos da programadora

Bárbara Sacchitiello
1 de agosto de 2012 - 1h29

A Globosat aproveitou a edição de 2012 da Feira da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA) para apresentar ao mercado a Globosat Comercialização de Conteúdo (GC2). A nova empresa nasce para suceder a Net Brasil, com a missão de representar toda a área de comercialização de conteúdo da programadora de canais.
A mudança do negócio acontece por força do novo marco regulatório do setor, que determina a divisão clara das operações envolvidas na indústria de TV assinatura. Com isso, a Globosat se desvincula integralmente da Net, atuando somente na seara de programação de canais pagos.

A G2C aproveita toda a equipe de especialistas da Net Brasil e tem, como diretor executivo, Fernando Ramos. “Com a novan regulamentação, a Globosat vem passando por diversas mudanças em sua estrutura societária e de operação. Agora, tudo o que diz respeito à Net foi transferido à Net Serviços para que a G2C possa concentrar suas atividades na área de comercialização de conteúdo", disse Ramos, durante um dos paineis do Congresso da ABTA nesta quarta-feira, 1º de agosto.

A G2C ficará responsável pela comercialização de todos os portfólios de canais Globosat, em todas as plataformas. A empresa atenderá diretamente os distribuidores de TV por assinatura e outras empresas do setor audiovisual. 

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”