Jornal Marca Brasil sai de campo

Buscar

Mídia

Publicidade

Jornal Marca Brasil sai de campo

Lançado em 2010, título esportivo da Ejesa publica sua última edição nesta quinta-feira, 8

Bárbara Sacchitiello
7 de novembro de 2012 - 7h16

Nesta quinta-feira, 8, o jornal esportivo Marca, da Ejesa, publica sua última edição. O título esportivo, que foi lançado no Brasil em 2010, não obteve um bom resultado em suas operações e o grupo decidiu colocar fim às atividades. A notícia do fim das operações foi dada na tarde desta quarta-feira, 7, para os profissionais da redação na sede da Ejesa, em São Paulo. Após o comunicado, profissionais de outros departamentos e de outros títulos da Ejesa – como o Brasil Econômico – deram uma salva de palmas aos jornalistas e funcionários do título esportivo.

Consultada pela reportagem, a Ejesa, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que o comunicado oficial a respeito do Marca ainda não está elaborado. O projeto pretendia repetir, no Brasil, o sucesso que o título esportivo espanhol obteve na Europa. Inicialmente, a Ejesa adquiriu o controle do jornal de esportes Campeão, que circulava no Rio de Janeiro. Depois, a parceria com o grupo espanhol Marca transformou o título em Marca Campeão e o jornal também passou a circular em São Paulo. Depois de algum tempo, o jornal passou a se chamar apenas Marca.

Na ocasião do lançamento, a diretoria da Ejesa declarou ter planos ousados para o Marca. A pretensão do grupo, segundo entrevista concedida ao Meio & Mensagem, em 2010, era fazer do Marca o principal título esportivo do Brasil.

Leia também:

A despedida do Jornal da Tarde
Jornal Diário do Povo deixa de circular
 

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”