Os mais influentes da internet e da TV

Buscar

Mídia

Publicidade

Os mais influentes da internet e da TV

Segunda edição da pesquisa de Meio & Mensagem, Google e Provokers mostra que dos top três influencers entre jovens, dois são youtubers

Sergio Damasceno Silva
30 de setembro de 2016 - 9h18

Na 2ª. edição da pesquisa “Os Novos Influenciadores – quem brilha na tela dos jovens brasileiros”, feita pela Provokers para Google e Meio & Mensagem, e divulgada com exclusividade, a personalidade mais influente do Brasil, atualmente, é Luciano Huck, apresentador do Caldeirão do Huck, da Rede Globo. No ranking das dez celebridades mais influentes, aparecem cinco pessoas da TV e cinco youtubers. Na comparação com o ranking anterior, nove personalidades mantêm-se na lista e 11 pessoas aparecem pela primeira vez como os mais influentes. A seguir, a lista com 20 personalidades mais influentes da internet e TV brasileiras:

Arte tabela

Para se chegar a esse resultado, a Provokers elaborou dois estudos, ambos realizados em agosto deste ano: o primeiro apura como os jovens assistem vídeo e o que isso significa em termos de mudanças de hábito e atitude. Esse estudo recolheu 1,5 mil depoimentos de homens e mulheres entre 14 a 55 anos, das classes A, B e C, de três regiões do País: Sul (Porto Alegre), Sudeste (São Paulo capital, São Paulo interior e Rio de Janeiro) e Nordeste (Salvador e Recife). Dessa amostragem, 250 entrevistas foram feitas com jovens entre 14 anos a 17 anos.

Maria Helena Marinho, head of consumer & market insights do Google, extrai do levantamento os seguintes resultados: a TV recebe cada vez menos atenção – 89% dos adolescentes declararam estar conectados enquanto assistem TV e 85% não prestam atenção à TV enquanto assistem; para os jovens, vídeo é igual online que é igual smartphone – 89% afirmam que os celulares são os dispositivos mais usados para assistir vídeos na internet e, para 60%, é o dispositivo preferido; ainda, para esse público, a internet é o meio onde encontra o que não é transmitido pela TV – 83% assistem vídeos na web quando buscam conteúdo não disponível na TV e 50% o fazem na internet quando não puderam assistir a programação linear da TV. No prime time da TV (que vai das 19h às 23h), 80% do público, em geral, praticam alguma outra atividade simultaneamente e, entre os adolescentes, esse índice sobe para 85%. Maria Helena destaca que a base brasileira de smartphones é de 162 milhões de aparelhos, o que significa que 62% da população têm smartphone (entre as pessoas até 25 anos, o índice chega a 83%). Na comparação, em 2014, a penetração de smartphone era de 29%.

Sobre o relacionamento dos jovens com vídeo, o estudo aponta três características: é pessoal (conteúdo específico, feito para ele, o jovem, por fontes diferentes, na hora e no dispositivo que escolher), acessível (gratuito e tem variedade) e compartilhável (conexão com as redes sociais e, ao compartilhar, o jovem expressa sua própria identidade). Por esses motivos, para 76% dos adolescentes o YouTube pode ser substituto para a TV aberta e para 65% para a TV paga. Ainda, o portal de vídeos é visto como variedade e entretenimento. Quanto às personalidades, objeto da pesquisa, 34% dos jovens concordariam em experimentar um produto endossado por youtubers (para celebridades da TV, isso valeria para 27%).

Estudo dois

O segundo estudo questiona o que define uma celebridade e quem são essas pessoas no contexto atual de mídia (vídeo online e TV) no Brasil. Esse levantamento abrangeu mil pessoas, entre homens e mulheres de 14 anos a 17 anos, nas mesmas regiões cobertas pelo estudo 1. Aos participantes, foi levantada uma lista de awareness espontâneo de personalidades de TV e YouTube. Foram apresentadas aos respondentes as características consideradas as mais importantes para a formação de uma celebridade. As respostas com mais de 10% das citações equivalem às mesmas já declaradas na 1ª. edição desta pesquisa: a definição de uma personalidade, para os jovens, está ligada à autenticidade (16% das respostas), à originalidade (15%), à inteligência (12%) e ao senso de humor (11%).

Do estudo, depreende-se que os jovens identificam-se com as personalidades do YouTube, sobretudo, porque são “gente como a gente”: se diferenciam das celebridades da TV pela proximidade com o target, postam constantemente vídeos que mostram sua vida, casa e rotina e ganham fama e dinheiro com seus vídeos, ou seja, projetam isso para a audiência, que vem a ser a função aspiracional dos canais do YoTube.

Ranking completo

No ranking completo, de 20 personalidades mais influentes, dez são da TV e dez são youtubers, ou seja, repete-se a proporção do Top 10. A pesquisa apurou alguns indícios desse comportamento. Para determinado tipo de conteúdo, o jovem, ostensivamente, escolhe o YouTube: para música (86%), para games (71%) e para esporte (76%). Por isso, aparecem na lista o casal Leon e Nilce, do Coisa de Nerd (3º. colocado no ranking) e Luba (6º. colocado), por exemplo. Os demais youtubers são Whindersson Nunes (2º. colocado), Kéfera (9ª. colocada), Júlio Coccielo (10º. colocado), Taciele Alcolea (12ª. colocada), Bianca Andrade, do Boca Rosa (16ª. colocada), Leo Stronda (18º. colocado), Rayza Nicácio (19ª. colocada) e Felipe Neto (20º. colocado). Entre as celebridades de TV, as dez mais influentes apontadas pelo público foram: Luciano Huck (1º. lugar), Danilo Gentili (4º. lugar), Taís Araújo (5º. lugar), Lázaro Ramos (7º. lugar), Tatá Werneck (8º. lugar), Cauã Reymond (11º. lugar), Marina Ruy Barbosa (13º. lugar), Juliana Paes (14º. lugar), Caio Castro (15º. lugar) e Cléo Pires (17º. lugar).

Sobre a movimentação do ranking desta edição e a anterior, Maria Helena levanta algumas hipóteses. O mundo da TV, explica, é circunstancial e os influenciadores têm maior visibilidade porque estão no ar em novelas ou séries naquele momento pontual ou, ainda, estão em foco por conta de relacionamentos amorosos (e públicos) e a expressão de opiniões polêmicas. Outros, como Juliana Paes e Cauã Reymond, por exemplo, explicam-se pela constante presença em campanhas publicitárias. Por fim, há um terceiro elemento, que é quando o artista trabalha a presença nas redes sociais, como é o caso de Marina Ruy Barbosa (que tem quase 15 milhões de seguidores no Instagram) e Juliana Paes (6,6 milhões de seguidores no Instagram).

Leia matéria analítica e completa sobre o assunto na edição 1730, de 3 de outubro, exclusivamente para assinantes do Meio & Mensagem, disponível nas versões impressa e para tablets iOS e Android.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Bianca Andrade

  • Caio Castro

  • Cauã Reymond

  • Cléo Pires

  • Danilo Gentili

  • Felipe Neto

  • Juliana Paes

  • Júlio Coccielo

  • Kéfera

  • Lázaro Ramos

  • Leo Stronda

  • Leon e Nilce

  • Luba

  • Luciano Huck

  • Maria Helena Marinho

  • Marina Ruy Barbosa

  • Rayza Nicácio

  • Taciele Alcolea

  • Tais Araújo

  • Tatá Werneck

  • Whindersson Nunes

  • Google

  • Meio & Mensagem

  • meio e mensagem

  • Provokers

  • celebridades

  • influencers

  • Influenciadores

  • Personalidades

  • youtubers

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”

  • Pri Brito

    Queria saber como se chegam aos nomes. São sugeridos e a galera vota, ou a galera dá os nomes espontaneamente, pra mim é a questão principal e não foi explicada.

  • Thiago_MR

    Os primeiros tudo bem pelo fato de serem pessoas muito popular e que eu vejo que realmente são do bem e procuram levar as pessoas a um crescimento intelectual, moral, material etc… Agora, dentre os 20 não ter nenhum pregador do evangelho é um fator de descrédito dessa pesquisa. Onde eu mais tenho sido influenciado são em pregações/palestras e constato isso em milhares de comentários nos vídeos e pessoalmente, tem esse fator de os eventos serem pessoalmente, além da internet, logo é um absurdo não aparecer pregadores do evangelho nesta lista.

    • Anônimo

      Uma pena mesmo é uma pessoa que não consegue aplicar o plural e ta falando coisa que não sabe! Whindersson Nunes = Evangélico super crente que a todo momento demonstra isso e pode não ser um pastor e não pregar mas é muito melhor do que muitos “crentes” que conheci !

      • Thiago_MR

        Por exemplo: Pastor Claudio Duarte recebeu uma placa do youtube como sendo o segundo palestrante/pregador mais assistido do mundo. Ele tem milhões que o segue nas redes sociais e prega para dezenas de milhares de pessoas, de forma presencial nas igrejas, todo mês; e quem não é um ANALFABETO FUNCIONAL e/ou MALICIOSO sabe o significado dessa palavra e o quanto influencia: Hebreus 4
        12 Porquanto a Palavra de Deus é viva e eficaz, mais cortante que qualquer espada de dois gumes; capaz de penetrar até ao ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e é sensível para perceber os pensamentos e intenções do coração. 13 E não há criatura alguma incógnita aos olhos de Deus. Absolutamente tudo está descoberto e às claras diante daquele a quem deveremos prestar contas. Jesus é o grande sumo sacerdote.

        • Vixi!!! Você falou em pa$tor evangélico eu vou ver se nada sumiu da minha carteira.

          KD MINHA CARTEIRA!!!???!!!???

      • Mostrou que ele é realmente um evanjegue.

    • Pessoa
  • Lacto Moraes

    Cadê o BRKsEDU? Ele tem 22,5 de score só em Janeiro!!

  • Nao sei quem eh a maioria dali. Puts.

  • Moacyr S Júnior

    Leon e Nilce Moretto do Coisa de Nerd e Cadê a Chave, são sem dúvida alguma um fenômeno, serão os primeiros em breve!

  • Não entendo porque não entram no ranking artistas musicais. Há alguns fenômenos do YouTube que superam outros citados em views e engajamento e conforme a pesquisa aponta o consumo de música no YouTube é grande: “Para determinado tipo de conteúdo, o jovem, ostensivamente, escolhe o YouTube: para música (86%)…”

    • Fenômeno do YouTube é só do YouTube. No mundo real, ninguém conhece.

      Já diz o ditado que ser famoso na Internet é o mesmo que ser rico no Banco Imobiliário.

  • josefa menezes leit

    O Luciano Huck merece o Primeiro lugar pois muitas das vezes o quee ele faz por trás dos bastidores é o que mais conta atitudes assim,não exite palavras para explicar,ou agradecer,ele fez isso por uma pessoas pela qual eu conheço,e ele não mostrou na tv,pois boas atitudes refletem mais que ações televisivas,gosto muito dele,parabéns a todos

  • Pamela Anjos

    Gente, Rayza Nicácio não é tão influente assim! #marmelada

  • Brenda

    Todos que estão na lista são muito especiais pra mim, e mudaram muita coisa na minha vida como o Whindersson, o Luba, o Leon e a Nilce, a Bianca, a Kéfera e outros.

  • Muito feliz pelas posições de #Leon e #Nilce, #TaisAraujo, #Luba e #LazaroRamos!!

  • Lucy Pinguim

    Essa por acaso foi mais uma das entrevistas encomendadas pela rede esgoto? Porque não é possível que pra galera esse tal de Luciano Huck seja relevante assim…só conhecidos dessa emissora estão competindo com youtubers, alguma coisa tem ai!!! Cadê os influenciadores musicais nesse meio? Hmmm…manipulação mandou um beijo 😉

  • Milla

    AVISO:Eu só chueguei aqui pelo “Luva”( correção:Luba)Eu acabei de ver o vídeo do Luba e vim aqui (rapidamente) comentar.Como todos que estão dando a sua opinião,eu também tenho direito de dar a minha,okay?!Dos 20 dessa lista,pd haver um ou dois que não gosto ou não conheço,mas mesmo assim não estou falando mal da vida deles,ou falando que eles não tem boa influência ao Brasil.Ao contrário eles tem sim uma ótima influência ao Brasil…..Se não fosse por eles o Brasil não seria o Brasil que a gente conhece.Concordo plenamente com o Luba,eu gosto de tudo que há no Brasil.Adoraria que o Luba visse esse comentário.

  • Juliano

    Quantas pessoas reclamando e falando mal…Aposto que apenas estão com inveja…Se fala que ta ruim pq n faz algo também?Além de ficar apenas criticando?

    • Gustavo de Souza

      melhor pessoa – concordo com vc!!!!!

  • Kamily

    Eu estou realmente surpresa com o nível de estupidez q esse Brasil possui
    Ta certo q eles são influentes, mas eles só estão tentando se dar bem na vida, e fazer as pessoas rirem quando estão muito chatiadas
    Pf né?

  • Todo povo tem os políticos, a TV, a Internet, as celebridades, os influenciadores, os pensadores e os intelectuais que merece.