>>>>LINK >>> >>>ID >>

Waze lança formato em parceria com McDonald’s

Buscar

Mídia

Publicidade

Waze lança formato em parceria com McDonald’s

Recurso permite aos motoristas sinalizarem suas marcas e estabelecimentos

Luiz Gustavo Pacete
23 de janeiro de 2017 - 12h53

Waze_Nesta segunda-feira, 23, o Waze lança no Brasil um formato publicitário que permitirá aos usuários do aplicativo ampliar a interação com as marcas. O Waze Favorite Brands é um recurso que permite aos motoristas sinalizarem suas marcas e estabelecimentos de preferência e, com isso, receberem notificações e avisos de promoções quando estiverem no trajeto dessas empresas. Para as marcas,
será possível a interação e customização de promoções e avisos publicitários.

“O Favorite Brands nos dá a possibilidade de reconhecer nossos consumidores e oferecer a eles conteúdo personalizado e experiências relevantes com a marca”, diz Roberto Gnypek, vice-presidente de marketing de McDonald’s Brasil, marca que estreia a nova funcionalidade.

O lançamento é uma das mudanças mais representativas desde que o Waze anunciou uma operação própria de publicidade no Brasil, em julho do ano passado. Até então, a empresa era representada pela IMS. André Loureiro, diretor-geral de publicidade do Waze no Brasil, afirma que a nova ferramenta será estratégica para que as marcas ampliem a experiência com os usuários. “É uma experiência mais fluida dentro da plataforma. Agora, ficou mais fácil para os usuários receberem informações e navegarem até as lojas”, diz André.

O Waze já vinha atualizando seus formatos publicitários nos últimos meses. Passou a exibir anúncios destacados e enviar lembretes aos motoristas. Além de comercializar diretamente no Brasil uma de suas principais ferramentas publicitárias, os chamados “Zero-Speed Takeover Units”, peças personalizadas mostradas para os condutores apenas quando estão parados. André explica que a importância da publicidade local está em sintonia com um processo global. “É algo que aconteceu em outros países como Estados Unidos e França. O Brasil é o terceiro onde teremos uma operação completa”,
diz. De propriedade do Google desde 2013, o Waze ainda lida com os desafios de ser enquadrado pelo mercado em categorias genéricas como mobile e digital. Segundo André, as práticas de geomarketing ainda são pouco difundidas no Brasil. “A operação própria vem nos ajudando a trabalharmos e termos de forma clara a relevância e os formatos que podemos oferecer ao mercado”, relata.

Só na Grande São Paulo, o aplicativo tem cerca de 3,5 milhões de usuários ativos mensalmente, segundo números internos. No Rio, este número chega a 800 mil motoristas ativos. O Waze foi criado em Israel e o Brasil representa um dos três maiores mercados para os planos estratégicos da empresa no mundo.

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”