Black na Cena investe R$ 1 milhão em guerrilha

Buscar

Black na Cena investe R$ 1 milhão em guerrilha

Buscar
Publicidade

Comunicação

Black na Cena investe R$ 1 milhão em guerrilha

Primeiro grande festival de música negra do País faz divulgação por meio de tabloides, kombis grafitadas e promoções em rádios paulistanas


27 de maio de 2011 - 4h08

Jorge Bem Jor, Public Enemy, Negra Li, Sandra de Sá e o deus vivo do funk George Clinton são só alguns dos nomes que vão sonorizar a cidade de São Paulo nos dias 22, 23 e 24 de julho na Arena Anhembi. Eles e outros artistas expoentes da música negra estarão no Black na Cena, primeiro festival desse porte totalmente dedicado ao gênero e criado pela Entre Produções, que diz investir R$ 1 milhão no evento.

“Estamos criando algo que fala com uma nova classe consumidora. É um novo jeito de comunicar e de se focar em outro público”, afirma Ricardo de Paula, diretor da Entre Produções. Toda a verba citada se direciona a operações de marketing de guerrilha: duas kombis e um Ford Galaxie 1961 grafitados saem às ruas de São Paulo e cidades metropolitanas para entregar tabloides com informações sobre o evento e seus convidados. A publicação, quinzenal e com tiragem de 30 mil exemplares, é distribuída por dançarinos caracterizados de acordo com diferentes subgêneros da música negra: funk, reggae e rap.

Haverá ainda 2 mil spots nas rádios paulistanas 89 FM, 105 FM, Alpha e Mitsubishi FM. E 15% dos trens do Metrô de São Paulo estão ocupados com peças que, por meio de um infográfico semelhante ao do sistema metroviário da cidade, sugere a integração de diferentes estilos musicais nos três dias do evento, que espera reunir 60 mil pessoas.

Ainda sem cotas de patrocínio fechadas para o festival, Ricardo de Paula diz que está negociando com uma marca de cerveja e outra de chocolate. “Tivemos outras propostas, mas ofereciam preços muito baixos. Acreditamos nessa marca e não vamos abrir para árias empresas”.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Beel Films expande atuação com filial nos Estados Unidos

    Beel Films expande atuação com filial nos Estados Unidos

    Produtora especializada em entregas de digital acaba de abrir escritório em Miami, onde deve centralizar atendimento de multinacionais

  • Após 12 anos, Grupo Amil retoma agência in-house

    Após 12 anos, Grupo Amil retoma agência in-house

    Grupo de saúde reativa as atividades da Promarket, que foi responsável pela publicidade e comunicação do grupo de 1980 até 2012