Fátima Bernardes debuta para a Seara

Buscar

Comunicação

Publicidade

Fátima Bernardes debuta para a Seara

Com mais de 25 anos de experiência na TV, apresentadora estreia seu primeiro comercial


24 de fevereiro de 2014 - 12h11

Há mais de dois anos, quando deixou o posto de âncora do Jornal Nacional para se dedicar à apresentação do programa Encontro, no ar desde junho de 2012, Fatima Bernardes já imaginava que seria procurada por marcas que querem associar produtos à sua imagem. Desde então, teve 12 convites, mas optou por cumprir apenas ações de merchandising.

À época do lançamento da atração, Fatima procurou o amigo e publicitário Washington Olivetto, chairman da WMcCann, para que ele a aconselhasse sobre as possíveis propostas. Quis o destino (ou o mundo dos negócios) que sua estreia no mundo da publicidade fosse capitaneada pelo próprio Olivetto. Estreou no domingo 23, no intervalo do Domingão do Faustão, o primeiro filme da Seara com a apresentadora.

A WMcCann conquistou a conta em novembro de 2013, após um imbróglio entre o Grupo JBS, dono da Seara, e a AlmapBBDO, que atendia a conta até então. Comentou-se que o anunciante havia desejado pagar comissão de 2% sobre a compra de mídia e o contrato foi rompido.

Quando Olivetto recebeu o briefing que pedia que a linha de produtos da Seara fosse apresentada ao público-alvo, a mulher moderna, que tem filhos, trabalha e tem de cuidar da casa, ele não teve dúvidas. “Quando li o briefing, a figura da Fátima pulou na minha cabeça”, recorda.

Faltava, no entanto, negociar a participação com a protagonista. Um bate-papo no Rio de Janeiro foi suficiente para que Olivetto a convencesse. “Fátima adorou a linguagem e o texto. Ela é, inclusive, coautora da campanha. Dei espaço para que ela incorporasse palavras e jargões que utiliza naturalmente. Tudo com um objetivo: queria que Fátima fosse a mais verdadeira possível”, argumenta.

O primeiro filme institucional apresenta o portfólio de produtos da Seara com objetivo de gerar experimentação. Com 90 segundos, o vídeo se passa em uma cozinha. Em um bate-papo direto com o consumidor, Fátima revela que é sua primeira vez em um comercial e diz que “mesmo estando feliz com sua vida, decidiu mudar”.

Segundo Olivetto, a mudança de carreira de Fátima foi usada como mote para despertar na consumidora o desejo pelo novo, ou seja, pela Seara, que quer fazer frente à concorrente direta Sadia. No filme, a apresentadora faz um pedido à dona de casa: “Existe o bom naquele lugar onde você ainda não foi e no produto que você ainda não experimentou”.

wraps

Publicidade

Compartilhe