Com Google, Samsung inaugura nova categoria

Buscar

Marketing

Publicidade

Com Google, Samsung inaugura nova categoria

Companhia apresentou nesta quarta-feira 12 o Chromebook, um híbrido entre notebook e tablet; produzido no Brasil, ele sairá por R$ 1.099

Roseani Rocha
12 de fevereiro de 2014 - 3h27

“Não é notebook. Não é tablet” diz a Samsung sobre o Chromebook , lançado nesta quarta-feira 12. O produto, resultado de parceria da companhia sul-coreana com o Google, promete ser um pouco de cada coisa, unindo o melhor dos dois mundos.

Na aparência, ele é um notebook, mas segundo Tony Firjam, diretor de vendas da Samsung, trata-se de um equipamento que une a inteligência e produtividade do notebook aos itens de entretenimento, conectividade e mobilidade de um tablet.

Outro ponto forte é o fato de ele próprio manter aplicativos e sistema operacional atualizados; o usuário não precisa também se preocupar com manutenção de antivírus. “É um produto simples, rápido e seguro”, afirmou Firjam.

O Chromebook é fino, pequeno e sua bateria dura sete horas – a ideia é que a pessoa o leve carregado pela manhã, utilize o dia todo e recarregue à noite. Ele tem armazenagem de dados na nuvem e 100 GB grátis no Google Drive pelo período de dois anos.

O equipamento que chega ao varejo hoje, ao preço de R$ 1.099, é fabricado no Brasil, na fábrica da Samsung em Campinas (SP) e tem teclado em português. Inicialmente, sua distribuição estará restrita às lojas da Samsung e as que a marca possui dentro de outros varejistas, que totalizam cerca de 300 pontos de venda, e no e-commerce.

Para Tony Firjam, o público potencial do aparelho é do tamanho do público consumidor de notebooks e tablets, que hoje gira em torno de sete, oito milhões de aparelhos em cada segmento (sendo que os tablets devem superar os notebooks este ano, segundo o executivo). Mas a Samsung aposta em um segmento para o qual o Chromebook pode ser particularmente atraente: estudantes. Isso porque ele permite a realização de trabalhos, pesquisas, a conexão entre pessoas de um mesmo grupo e todo o entretenimento dos tablets, que atrai os jovens.

Líder em notebooks, celulares e smartphones no mercado brasileiro, segundo dados da GfK, de dezembro de 2013, a Samsung considera-se em 2014 pioneira no que chama de “a nova era pós-PC”. E tem alta expectativa de vendas do Chromebook no mercado local um vez que nos Estados Unidos, em 2013, ele já representou 21% das vendas de computadores portáteis.

Comunicação

O desafio da Samsung e do Google será fazer o consumidor olhar para algo que não difere de um notebook e entender que ele é outro equipamento. Para isso os esforços de comunicação do novo produto, segundo Paula Costa, diretora de marketing IT e Mobile da Samsung, estarão concentrados em orientar o consumidor, na venda assistida e em treinamento.

O meio digital será, claro, o mais utilizado, com as mídias do Google e outros canais, com conteúdos elaborados pela Sapient Nitro. “Também faremos road shows em mais de 50 universidades das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste”, afirmou Paula Costa.

 

wraps

Publicidade

Compartilhe