Globo: receita de R$ 5,9 bi no 1º semestre

Buscar

Mídia

Publicidade

Globo: receita de R$ 5,9 bi no 1º semestre

Resultado líquido é 19% superior ao mesmo período do ano passado; no segundo trimestre deste ano, a receita líquida foi de R$ 3,1 bilhões, 17% acima dos R$ 2,7 bilhões de 2011

Sergio Damasceno
20 de agosto de 2012 - 5h28

A Globo Comunicação e Participações divulgou os resultados financeiros do segundo trimestre e declarou que obteve uma receita líquida de R$ 3,170 bilhões no segundo trimestre deste ano, o que significa um resultado 17% acima dos R$ 2,703 bilhões obtidos no segundo trimestre do ano passado. No acumulado dos primeiros seis meses de 2012, a Globo registra uma receita líquida de R$ 5,970 bilhões, ou 19% acima dos R$ 5,036 bilhões registrados no segundo semestre do ano passado. Segundo o Projeto Inter-Meios, realizado pela PricewaterhouseCoopers exclusivamente para o Meio & Mensagem, o faturamento publicitário apenas da TV aberta, entre janeiro e maio deste ano, foi de pouco mais de R$ 7,5 bilhões, expansão de 13,71% sobre o mesmo período do ano anterior.

O EBITDA, que mede o lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização, foi de R$ 790 milhões no segundo trimestre deste ano, aumento de 2% em relação ao registrado no mesmo período do ano passado. A dívida líquida cresceu de US$ 835 milhões para US$ 2 bilhões. Mas, simultaneamente, cresceu também o fluxo de caixa da Globo, que atingiu R$ 5,7 bilhões, valor que é 55% superior ao caixa existente no segundo trimestre do ano passado.

Publicidade

Segundo o relatório da companhia, que cita os dados do Projeto Inter-Meios, nos primeiros cinco meses deste ano os gastos com publicidade para transmissão e TV por assinatura foi de quase R$ 8 bilhões, ou 69% da despesa total com publicidade. Em 2011, esse percentual era de 67%, para o mesmo período. A transmissão de TV aumentou sua participação no total das receitas de publicidade em 2012, quando comparado com o mesmo período de 2011, de 64% para 65

A empresa também divulgou, no balanço, as taxas de audiência da TV Globo, segundo dados do Ibope. A emissora lembra que, no segundo trimestre de 2011, começou a relatar a quota de audiência baseada no Total Ligados Especial (TLE) ao invés de Total Ligados (TL), usado em relatórios anteriores. De acordo com o IBOPE-PNT (MW), nos últimos doze meses encerrados em junho deste ano, a TV Globo afirma que atingiu 18% de índice de audiência e 46% de share para o período das 19 horas à meia-noite, e 28% de índice de audiência e 54% de share para o período de tempo das 18 horas à meia-noite (prime time).

Publicidade

Compartilhe