Donata Meirelles deixa diretoria da Vogue Brasil

Buscar

Mídia

Publicidade

Donata Meirelles deixa diretoria da Vogue Brasil

Na revista há sete anos, profissional anuncia demissão dias depois de polêmica em torno de sua festa de aniversário

Bárbara Sacchitiello
13 de fevereiro de 2019 - 23h23

Profissional era diretora de estilo da publicação há sete anos (Crédito: Reprodução)

Diretora de estilo da revista Vogue Brasil há sete anos, Donata Meirelles não faz mais parte do quadro da revista da editora Globo Condé Nast. A profissional pediu demissão da revista na noite dessa quarta-feira, 13, e comunicou a decisão em uma mensagem, enviada a amigos. Após a notícia, divulgada pela coluna da jornalista Sonia Racy, do Estadão, a Vogue Brasil confirmou a informação à reportagem de Meio & Mensagem.

“Durante seus sete anos como diretora de estilo da Vogue Brasil, Donata Meirelles ajudou a transformar a revista numa das mais importantes Vogues do mundo. Com seu senso de estilo único, que capta como ninguém o dinamismo da mulher brasileira, Donata deu nova energia às páginas de Vogue. Respeitamos sua decisão e seremos eternamente gratos por todo o carinho e talento que dedicou a cada página que editou“, diz a Vogue Brasil, em comunicado. A publicação não respondeu a respeito do substituto de Donata na função.

A saída da executiva acontece dias depois dela ter se envolvido em uma polêmica por conta de fotos de sua festa de aniversário, realizada no último fim de semana, em Salvador. Nas redes sociais, muitas pessoas classificaram como racista o receptivo da festa, que apresentava mulheres negras, vestidas com trajes brancos, posando ao lado de um trono no qual os convidados da festa sentavam para tirar fotos. Ativistas de movimentos raciais argumentaram que os trajes das mulheres e os objetos da cena remetiam ao período do colonial do Brasil, no qual a escravidão era vigente.

Embora o acontecimento tenha sido em uma festa pessoal de Donata, as críticas acabaram gerando repercussão também na Vogue Brasil, que fez uma publicação em seu Instagram nessa terça-feira, 12, comentando o assunto e declarando que o episódio seria usado como oportunidade para ampliar a reflexão a respeito da construção de uma sociedade mais justa.

Em relação às manifestações referentes à festa de 50 anos de Donata Meirelles, a Vogue Brasil lamenta profundamente o ocorrido e espera que o debate gerado sirva de aprendizado. Nós acreditamos em ações afirmativas e propositivas e também que a empatia é a melhor alternativa para a construção de uma sociedade mais justa, em que as desigualdades históricas do País sejam debatidas e enfrentadas. Em busca da evolução constante que sempre nos pautou, aproveitamos a reflexão gerada para ampliar as vozes dentro da equipe e criar, em caráter permanente, um fórum formado por ativistas e estudiosos que ajudarão a definir conteúdos e imagens que combatam essas desigualdades”, escreveu a revista.

 

(Crédito: Reprodução)

Antes da postagem da Vogue, a própria Donata também havia usado seu Instagram para esclarecer alguns elementos da festa que haviam sido criticados pelas pessoas e pedir desculpas pelas impressões causadas. A diretora também repostou a mensagem oficial da Vogue, afirmando que gostaria de ouvir opiniões de outras mulheres para iniciar um processo de reconstrução.

Apesar desses acontecimentos recentes, a Vogue não faz nenhuma menção ao ocorrido no comunicado da saída de Donata. A revista se prepara para, no próximo dia 21, realizar o Baile da Vogue, um de seus principais eventos do ano, que acontece em são Paulo e costuma atrair diversos patrocinadores.

Publicidade

Compartilhe