Google cria site sobre cuidados médicos com coronavírus

Buscar

Mídia

Publicidade

Google cria site sobre cuidados médicos com coronavírus

Plataforma Project Baseline está disponível para moradores da região da Bay Area, na Califórnia


16 de março de 2020 - 17h00

 

Plataforma é questionada a respeito de coleta de dados privados (Crédito: Kuk/iStock)

Nesta segunda-feira, 16, a Alphabet, holding do Google, lançou a plataforma Project Baseline. Criada junto com outra de sua subsidiária, a Verily Life Sciences, a ferramenta tem a função de informar e orientar a população dos Estados Unidos diante da pandemia do novo coronavírus.

O portal coleta informações sobre o usuário, como nome, endereço, número de telefone e e-mail, e oferece um questionário que indica se a pessoa em questão está apta a fazer os testes do COVID-19 e onde realizar tais exames. Por ora, o site só funciona para pessoas na região da Bay Area, na Califórnia.

As ferramentas estão sendo desenvolvidas junto a oficiais públicos de saúde. Os trabalhadores da área da saúde podem entrar em contato com o usuário para agendar um teste e recolher amostras laboratoriais. As informações privadas poderão ser compartilhadas com autoridades locais, estaduais e federais.

Privacidade

Por coletar dados sobre a saúde dos usuários, parte do público e defensores da privacidade de dados têm questionado o destino das informações dos cadastrados na plataforma. Os termos de uso do Google, porém, informam que o projeto não compartilhará os dados com companhias de seguro ou anunciantes sem consentimento.

**Crédito da imagem no topo: Trendobjects/iStock

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Google

  • Alphabet

  • verily life sciences

  • tecnologia

  • Informação

  • health

  • coronavírus

  • covid-19

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”