Streamings: 31,1 milhões de brasileiros tiveram acesso em 2022

Buscar

Streamings: 31,1 milhões de brasileiros tiveram acesso em 2022

Buscar
Publicidade

Mídia

Streamings: 31,1 milhões de brasileiros tiveram acesso em 2022

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística mostra que 43,4% dos brasileiros tinham serviço pago de streaming nos domicílios com televisão


9 de novembro de 2023 - 16h24

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que, no ano passado, 31,1 milhões de indivíduos tiveram acesso a serviços de streaming pagos.

ibge

IBGE divulga resultados de pesquisa sobre lares com televisão e Internet em zonas rurais e urbanas (Crédito: Proxima Studio/Adobestock)

De acordo com o órgão, em um ano, o número de lares com TV no Brasil passou de 69,6 milhões para 71,5 milhões. Destes, 43,4% puderam acessar plataformas de streaming de vídeo, como Netflix, Prime Video e outros.

Além disso, entre os assinantes dos serviços de vídeo, grande parte (95,3%) também acessaram canais de televisão: 93,1% em TV aberta e 41,5% em TV por assinatura. Leonardo Quesada, analista da pesquisa, afirma em nota do IBGE que o dado indica que o streaming ainda está longe de substituir as modalidades tradicionais de TV.

É possível observar que, de 2021 para 2021, o montante de lares com acesso à TV paga foi de 17,8% para 19,8% na zona rural, enquanto na urbana a variação foi de diminuição– indo de 29,2% para 28,8%. A região Sudeste lidera em assinantes de TV paga, com 34,3%. Na contramão, o Nordeste fica em quinto lugar, com 17,1%.

Entre os que não possuem TV por assinatura, 35,3% justificaram dizendo que o serviço é caro. Ao mesmo tempo, 53,7% alegaram não ter interesse. Apenas 1,1% não dispunham do serviço na localidade de residência.

Consumo de conteúdo na internet

O levantamento do IBGE mostra, ainda, que cerca de 9,2% dos brasileiros acessavam vídeos (inclusive de programas, filmes ou séries) pela Internet em vez dos canais por assinatura. O acesso à conectividade esteve presente em 91,5% dos lares, um aumento de 1,52 pontos perceituais em relação a 2021.

Dos 68,9 milhões de brasileiros com acesso à Internet, 14,3% contavam com algum tipo de dispositivo inteligente que poderia ser acessado por uma conexão. Entre eles estão câmeras, caixas de som e lâmpadas, bem como ar-condicionado, geladeiras etc.

TV aberta

No ano passado, o IBGE estima que 65,5 milhões (91,6%) de domicílios tinham recepção de sinal analógico ou digital de televisão aberta. Deste continente, 23,5% contavam com antena parabólica (digital ou analógica) com sinal aberto. O destaque vai para a zona rural, com 54,8%, contra as áreas urbanas, com apenas 19,2%.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Anunciantes e Kantar criam novo player de medição de audiência nos EUA

    Anunciantes e Kantar criam novo player de medição de audiência nos EUA

    Chamada de Aquila, plataforma é fruto de coalização entre Associação dos Anunciantes, Kantar, Meta, Amazon e TikTok

  • Pinterest lança ferramentas de IA para criativos e performance

    Pinterest lança ferramentas de IA para criativos e performance

    Recursos estão sob guarda-chuva do Pinterest Ad Labs, novo programa de inovação da plataforma para marcas selecionadas testarem os protótipos