Influenciadores têm mais interações do que marcas nas redes sociais

Buscar

Influenciadores têm mais interações do que marcas nas redes sociais

Buscar
Publicidade

Mídia

Influenciadores têm mais interações do que marcas nas redes sociais

Segundo o estudo Mídias Sociais 360º, produzido pelo NiMD FAAP e Emplifi, no Instagram essa interação é 17 vezes maior e no Facebook 68 vezes


18 de agosto de 2022 - 6h00

O público interage mais com o conteúdo de influenciadores do que com o conteúdo de marcas nas redes sociais. De acordo com o estudo Mídias Sociais 360º, produzido pelo NiMD FAAP e Emplifi, nos meses de abril, maio e junho deste ano, os conteúdos do creators tiveram 17 vezes mais interações no Instagram e 68 vezes mais no Facebook do que o conteúdo de marcas.

 

Influenciadores têm mais interação as redes sociais do que marcas

Influenciadores apresentam maior interação nas redes sociais do que marcas (Crédito: Artem Podrez/Pexels)

Segundo o relatório, enquanto os influenciadores têm 82.041 mil interações em seus perfis a partir de dois posts no feed por semana (não são considerados stories, reels e outros formatos), as marcas conseguem somente 4.893 interações publicando três posts por semana. A coleta dos dados aconteceu antes da liberação do Instagram de acesso ao formato Reels.

Eric Messa, coordenador do curso de Publicidade e Propaganda e do NiMD FAAP, explica que a porcentagem de comentários em páginas de influenciadores (14,79%) e perfis de comunidades (21,41%) é superior à porcentagem desse tipo de interação nos perfis de marcas (8,57%) ou mídia (6,32%).

Facebook

No segundo trimestre deste ano, a frequência de publicações feitas no Facebook pelas páginas da categoria de mídia, na qual estão inseridos os veículos de comunicação, foi bem superior em relação às demais categorias. Isso é uma tendência também vista nos meses anteriores, de acordo com o relatório. As categorias marcas e influenciadores possuem média de publicações semanais muito próximas, 3 e 2, respectivamente. Porém, a categoria marcas recebe uma mediana de 200 interações no total, enquanto a categoria influenciadores é mais de 13 mil, aproximadamente 68 vezes mais.

Além disso, a categoria marcas tem uma porcentagem da reação “amei” (7,19%) menor do que os influenciadores (13,51%). No entanto, possuem uma porcentagem de compartilhamentos maior, 7,70 % contra 4,12%. O “ha ha ha”, reação com um emoji risonho, também vem ganhando destaque. Na categoria comunidades, por exemplo, representou 5,44% do total nesse trimestre.

De acordo com o relatório, a foto é a escolha preferida tanto das marcas (79,6%) como  dos influenciadores (66%). Entretanto, quando o assunto é vídeos, os influenciadores produzem mais posts nesse formato (22%) do que as marcas (13,8%). Para ambas categorias, as publicações com link são aquelas que geram o menor volume de interações, comparado com outros formatos.

Instagram

No Instagram, o volume de seguidores dos perfis vem crescendo gradualmente. Em relação ao trimestre anterior, os perfis de marcas tiveram um crescimento de 2,26% no volume de seguidores, enquanto os Influenciadores, 1,26%. A categoria que mais cresceu foi a de esportes (4,71%), crescimento constante ao longo dos últimos relatórios.

Além disso, nos meses de abril, maio e junho os perfis de influenciadores produziram mais posts em formato carrossel (41% do total de publicações feitas por essa categoria) do que marcas (30,7% do seu total de publicações). Esse formato tem gerado mais interações dos usuários, se comparado ao post de imagem ou vídeo. Os posts feitos pelos influenciadores nesse formato chegaram a ter 22% a mais de interações do que as publicações em formato de foto e 42% do que as publicações em vídeos.

O relatório Mídias Sociais 360o (#MS360FAAP), realizado desde 2014, passou por uma reformulação no ano passado, quando a Emplifi assumiu a parceria com o Núcleo de Inovação em Mídia Digital para elaboração do estudo, cedendo a sua base de perfis cadastrados na plataforma de experiência do cliente para serem analisados na pesquisa.

Publicidade

Compartilhe

Veja também