O recorde de Fortnite e o casamento entre música e games

Buscar

O recorde de Fortnite e o casamento entre música e games

Buscar
Publicidade

Mídia

O recorde de Fortnite e o casamento entre música e games

O Marshmello Fortnite Concert Live, realizado no ambiente virtual do jogo, reuniu 10 milhões de jogadores e relembra cases como o Second Life

No último sábado, 2, o DJ e produtor estadunidense Marshmello alcançou um feito emblemático envolvendo a conexão entre o real e virtual. Ele reuniu uma audiência de aproximadamente 10 milhões de jogadores do Fortnite, um dos jogos mais populares do momento com uma base de 200 milhões de players. O Marshmello Fortnite Concert Live durou 10 minutos e rendeu novo pico de acesso ao game.

O recorde batido resgatou outras tentativas já feitas na conexão entre música e games. No ano passado, nomes da cena underground como Solomun e Black Madonna participaram de uma ação para promover o conceito do jogo GTA, um dos mais rentáveis da indústria gamer. Em junho de 2007, a banda NXZero fez uma apresentação no mundo virtual do Second Life, no entanto, os desafios de conexão possibilitaram uma experiência ruim com erros de carregamento e lentidão.

“A relação do underground e do mainstream assim como vemos na cultura dos DJs, está em evidência no universo dos games. A personalidade dos clubes de música eletrônica são seus DJs residentes, os jogos começaram a escolher os seus artistas, e sinalizam que estão priorizando a sua essência e base de usuários”, diz Fabio Mergulhão, sócio e head de criação e estratégia da nøline.

 

O show durou dez minutos e alcançou 10 milhões de pessoas (Crédito: Reprodução)

Segundo Mergulhão, o game vai dar possibilidade para milhões de pessoas assistirem um show dentro de casa.”Pessoas que nunca tiveram a oportunidade de ir a um festival ou uma apresentação. Por outro lado, a música esta associada desde sempre ao game. Melhores conexões de internet, jogos cada vez mais envolventes e a popularidade dos streamers vai alavancar essa dupla (música e games) para audiências nunca antes vistas. “

Fernanda Domingues, da FD Comunicação, agência especializada em games, analisa que o Fortnite está mostrando que não é só o jogo mais rentável, mas o mais criativo também. Em janeiro, durante sua divulgação de resultados, a Netflix deu um sinal considerado curioso pelo mercado afirmando que teme não a HBO, mas players de fora do streaming de séries como o jogo Fortnite.

“Nós ganhamos através de tempo de tela do consumidor, tanto mobile quanto televisão, e temos uma grande variedade de competidores. Nós competimos (e perdemos) mais com ‘Fortnite’ do que com a HBO”, diz o relatório onde a Netflix também anunciou que possui aproximadamente 139 milhões de assinantes.

Criado pela desenvolvedora Epic Games em 2015, o Fortnite tornou-se gratuito em 2017. Desde então, já faturou mais de US$ 1,2 bilhão em recursos adicionais e microtransações. Segundo a consultoria SuperData, o game pode ter chegado a US$ 2 bilhões em receita no final do ano passado. Nesta segunda-feira, 4, a Electronic Arts, em parceria com a desenvolvedora Respawn Entertainment anunciaram o Apex Legends, jogo de tiro no estilo battle royale que concorre diretamente com o Fortnite.


6 de fevereiro de 2019 - 6h00

No último sábado, 2, o DJ e produtor estadunidense Marshmello alcançou um feito emblemático envolvendo a conexão entre o real e virtual. Ele reuniu uma audiência de aproximadamente 10 milhões de jogadores do Fortnite, um dos jogos mais populares do momento com uma base de 200 milhões de players. O Marshmello Fortnite Concert Live durou 10 minutos e rendeu novo pico de acesso ao game.

O recorde batido resgatou outras tentativas já feitas na conexão entre música e games. No ano passado, nomes da cena underground como Solomun e Black Madonna participaram de uma ação para promover o conceito do jogo GTA, um dos mais rentáveis da indústria gamer. Em junho de 2007, a banda NXZero fez uma apresentação no mundo virtual do Second Life, no entanto, os desafios de conexão possibilitaram uma experiência ruim com erros de carregamento e lentidão.

“A relação do underground e do mainstream assim como vemos na cultura dos DJs, está em evidência no universo dos games. A personalidade dos clubes de música eletrônica são seus DJs residentes, os jogos começaram a escolher os seus artistas, e sinalizam que estão priorizando a sua essência e base de usuários”, diz Fabio Mergulhão, sócio e head de criação e estratégia da nøline.

 

O show durou dez minutos e alcançou 10 milhões de pessoas (Crédito: Reprodução)

Segundo Mergulhão, o game vai dar possibilidade para milhões de pessoas assistirem um show dentro de casa.”Pessoas que nunca tiveram a oportunidade de ir a um festival ou uma apresentação. Por outro lado, a música esta associada desde sempre ao game. Melhores conexões de internet, jogos cada vez mais envolventes e a popularidade dos streamers vai alavancar essa dupla (música e games) para audiências nunca antes vistas. “

Fernanda Domingues, da FD Comunicação, agência especializada em games, analisa que o Fortnite está mostrando que não é só o jogo mais rentável, mas o mais criativo também. Em janeiro, durante sua divulgação de resultados, a Netflix deu um sinal considerado curioso pelo mercado afirmando que teme não a HBO, mas players de fora do streaming de séries como o jogo Fortnite.

“Nós ganhamos através de tempo de tela do consumidor, tanto mobile quanto televisão, e temos uma grande variedade de competidores. Nós competimos (e perdemos) mais com ‘Fortnite’ do que com a HBO”, diz o relatório onde a Netflix também anunciou que possui aproximadamente 139 milhões de assinantes.

Criado pela desenvolvedora Epic Games em 2015, o Fortnite tornou-se gratuito em 2017. Desde então, já faturou mais de US$ 1,2 bilhão em recursos adicionais e microtransações. Segundo a consultoria SuperData, o game pode ter chegado a US$ 2 bilhões em receita no final do ano passado. Nesta segunda-feira, 4, a Electronic Arts, em parceria com a desenvolvedora Respawn Entertainment anunciaram o Apex Legends, jogo de tiro no estilo battle royale que concorre diretamente com o Fortnite.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Apple poderá fechar acordo com OpenAI em breve

    Apple poderá fechar acordo com OpenAI em breve

    Parceria permitirá integração de soluções de IA da OpenAI nos aparelhos da gigante da tecnologia; Apple está prestes a lançar o sistema operacional iOS 18 no iPhone

  • Gemini, IA do Google, terá pesquisa por vídeos

    Gemini, IA do Google, terá pesquisa por vídeos

    Novidade foi apresentada pela plataforma no último dia 14 e visa juntar informações em tempo real