Interação digital favorece out-of-home

Buscar

Mídia

Publicidade

Interação digital favorece out-of-home

Estimativas da ABMOOH dão conta que o setor de mídia-out-of-home tenha faturado mais de R$ 1,3 bilhão em 2015, alta de 12% em relação ao ano anterior

Luiz Gustavo Pacete
2 de fevereiro de 2016 - 2h09

O setor de out-of-home, a despeito da crise, cresceu no ano passado.

Uma estimativa da Associação Brasileira de Mídia Out-of-Home (ABMOOH) com base em dados de suas 26 associadas, aponta faturamento de R$ 1,3 bilhão e um crescimento de 12% no ano passado.

Esses percentuais foram impulsionados, sobretudo, pela implementação do mobiliário urbano na cidade de São Paulo, iniciado em 2012, que, segundo a associação, responde por 40% dos anúncios direcionados ao OOH no País.

O crescimento do setor também está diretamente ligado ao digital que amplia as possibilidades de interação. A Otima e seus cases vêm mostrando o equilíbrio entre interatividade e criatividade.

“Por unir impacto, visibilidade e resultado, a mídia out-of-home permite um diálogo mais próximo entre marcas e consumidores, com roteiros inteligentes que cobrem toda a cidade, painéis digitais e projetos especiais”, diz Violeta Noya, presidente da Otima.

Em 2015, a Otima realizou 35 projetos interativos para marcas como Unilever, McDonald’s, UFC, PepsiCo, HP, Havaianas e Heineken. Em uma ação para a cerveja Desperados, da Heineken, a Otima transformou dez painéis da cidade de São Paulo em pontos de compartilhamento gratuito de skates. Para o UFC, a empresa instalou um sparring para que as pessoas mandassem por meio de socos incentivos aos lutadores Vitor Belfort e Ben Henderson. “Esses projetos contribuem para a taxa de recompra pelos anunciantes, cerca de 57%, bem acima da média do mercado publicitário. Isso mostra que anunciantes e agências passaram a compreender o diferencial da mídia exterior”, diz Violeta.

A Modern Airport, empresa de mídia aeroportuária da Outernet, do Grupo Bandeirantes, finaliza a instalação do maior painel de LED aeroportuário da América Latina, no Aeroporto de Cumbica, em São Paulo, com 50m² e imagem em HD full Collor.

De acordo com Alexandre Barsotti, diretor comercial da Modern, a previsão para a comercialização de espaço publicitário no painel é o primeiro trimestre de 2016. “Ele nos permitirá não só a exibição de anúncios como também a interação entre passageiros e marcas”, diz Barsotti.

Os investimentos totais no equipamento entre importação e instalação foram de R$ 2 milhões e ele será o segundo maior do mundo atrás apenas do painel instalado no Aeroporto de Los Angeles. A Modern investiu R$ 30 milhões no último ano em estrutura e vem ampliando seus projetos especiais. Entre os principais anunciantes da Modern estão Samsung, Vivo, TAM, LG, Panasconic, Banco do Brasil, Petrobras e Caixa.

Desde o dia 27 de janeiro até o fim de 2016 o ZAP Imóveis portal do segmento imobiliário presente na Elemídia coloca em prática uma ação criada pela FCB Brasil de uso de geolocalização como recurso para mostrar o número de imóveis que estão perto do lugar onde as vinhetas estão veiculando.

Em três momentos diferentes do dia, a chegada ao trabalho, almoço e volta pra casa, as pessoas serão impactadas por mensagens como “Cansado de tanto trânsito? ZAP tem 1.579 imóveis no Brooklin”. As peças fazem parte da campanha Motivos, lançada em 2014, e trazem a assinatura “Você tem um motivo, ZAP tem um imóvel”.A estimativa é que mais de 10 milhões de pessoas serão impactadas pela campanha em cidades como São Paulo, Curitiba, Belo Horizonte, Brasília e Rio de Janeiro.

Otto Frossard, diretor de estratégia da Posterscope, agência especializada em mídia exterior da Dentsu Aegis Network, explica que aliar o digital ao OOH tem sido um fator de impulso. “Saber o correto uso das tecnologias nesse meio vai impulsionar ainda mais esse mercado. Paralelo a isso, o desenvolvimento de métricas e dados vão conseguir gerar melhores defesas”, diz. A Posterscope pretende lançar, nos próximos meses, uma ferramenta para entender diferentes perfis de consumidores que passam a maior parte do dia na rua.

wraps

Publicidade

Compartilhe

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”