Try passa a fazer parte da Design Bridge and Partners

Buscar

Try passa a fazer parte da Design Bridge and Partners

Buscar
Publicidade

Comunicação

Try passa a fazer parte da Design Bridge and Partners

Brasileira especializada em UX se une à Design Bridge and Partners para fortalecer ofertas em design; ambas são organizações do WPP

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


5 de fevereiro de 2024 - 8h14

Nota atualizada em 06/02/24 às 10h56

Marcelo Biculo, CEO da Design Bridge and Partners no Brasil; Ercilia Galvão Bueno, CEO da Try e John Morris, CEO global da Design Bridge and Partners: oferta unificada e ampla em design (Crédito: Divulgação)

A Try, empresa do WPP especializada em user experience (UX) e design, passa a integrar o portfólio de empresas da Design Bridge and Partners, que também faz parte da holding britânica.

Com o movimento, a Try segue sob o comando da fundadora e CEO Ercilia Galvão Bueno e as lideranças Patricia de Cia, Mayra Sasso, Beatriz Freindorfer Azevedo, Adriana Soldera, Alessandro d’Angelo e Lizzi Colla, também permanecem na operação – que mantém sua marca e autonomia na gestão, porém passa a consolidar seus resultados junto à Design Bridge and Partners, que no Brasil está sob o comando do CEO Marcelo Bicudo.

O WPP comprou a operação em 2014 e, a partir dali, a Try passou a fazer parte da Wunderman Thompson, que no final do ano passado se uniu à VMLY&R. “Para o WPP, esse movimento significa a criação de uma oferta mais robusta de branding e design. Em vez de estar debaixo de uma agência de comunicação, agora passa a focar numa expertise mais específica. A Try tem anos de experiência no digital e amplia a rede da Design Bridge”, afirma John Morris, CEO global da companhia.

Na prática, haverá alinhamentos estratégicos e operacionais para garantir processos de trabalho integrados e ágeis, que serão viabilizados por meio de squads multidisciplinasres. Também está nos planos que a Try passe a trabalhar com escritórios da DBP em outros países. Juntas, as empresas já realizaram projetos para clientes como Santander, Rappi e Nubank.

Sobre as recentes consolidações realizadas pela holding, o executivo afirma que se trata de uma resposta à demanda dos clientes por acessos mais fáceis aos grupos de agências. “Eles querem uma navegação mais simples dentro de uma organização complexa. Reunir os talentos sob as respectivas expertises potencializa as entregas do WPP. Agora os clientes podem vir direto à Design Bridge para obter interpretações físicas e digitais da experiência propiciada pelo design”, comenta.

Em comunicado, Stefano Zunino, country manager do WPP no Brasil, afirma que trazer a Try para a Design Bridge and Partners marca um importante passo adiante para o WPP no País, pois trata-se de um movimento estratégico que não somente amplia o portfólio de expertises do grupo, como reforça o compromisso de entregar excepcionais soluções em design e branding para os clientes.

“Ao integrar a excelência da estratégia digital da Try, com a excepcional capacidade da Design Bridge and Partners em branding, ficamos melhor posicionados para atender as demandas cada vez mais sofisticadas de nossos clientes nesse complexo cenário do mercado atual”, disse, em nota.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Galeria abre nova operação voltada a design e produtos digitais

    Galeria abre nova operação voltada a design e produtos digitais

    Lançamento da Gux faz parte do plano de expansão das entregas e especializações da agência de publicidade

  • Com Endrick e BBB, Neosaldina reforça marca para o público

    Com Endrick e BBB, Neosaldina reforça marca para o público

    Jogador do Palmeiras estrelou peça que foi ao ar no domingo, junto ao patrocínio da prova Bate e Volta do BBB