Santander Brasil terá mudança na presidência em 2022

Buscar

Gente

Publicidade

Santander Brasil terá mudança na presidência em 2022

Sergio Rial deixa a presidência-executiva do banco no País em 2022; cargo será ocupado por Mario Roberto Opice Leão


28 de julho de 2021 - 14h31

Sergio Rial, presidente-executivo do Santander no Brasil, deixa o cargo em janeiro de 2022 e passa a integrar o Conselho de Administração do banco (Crédito: Reprodução/facebook.com/Santander)

O Santander anunciou mudanças no comando da operação brasileira a partir de 2022. O atual presidente-executivo do Brasil e também chefe-regional na América do Sul do Grupo Santander, Sérgio Rial, deixa os cargos para assumir a presidência do Conselho de Administração do Santander Brasil a partir de 1o de janeiro de 2022.

Rial ocupa o posto de presidente-executivo do Santander no Brasil há quase sete anos. Para ocupar a posição a partir do próximo ano, o banco escolheu Mario Roberto Opice Leão, líder da área de Corporate Banking do Santander Brasil desde 2015. Leão, que ingressou no Santander em 2015, também é membro do comitê executivo do Santander no Brasil há quatro anos e, desde o ano passado, também se tornou responsável pelo segmento de empresas de médio porte. Antes do Santander, o executivo trabalhou no Citibank, Goldman Sachs e Morgan Stanley, ao longo de mais de 25 anos de carreira. Com sua ida para a presidência, suas atribuições atuais no Santander passarão para João Marcos de Biase

Já para a posição de chefe-regional na América do Sul, o Santander nomeou Carlos Rey de Vicente, que atualmente é vice-presidente de finanças e membro do comitê executivo do Santander Brasil, que trabalhou junto com Rial nos últimos anos no desenvolvimento de estratégias regionais. Vicente atua no mercado brasileiro há mais de sete anos.

Em comunicado, Ana Botín, presidente mundial do Santander, relembrou que, e 2015, uma de suas prioridades era colocar uma equipe de lidernaça de destaque no Brasil e que, após um processo minucioso de escolha, teve certeza de que Sérgio Rial era a pessoa certa. “Desde então, Sérgio e sua equipe ajudaram o Santander Brasil a se tornar um dos bancos mais rentáveis e eficientes da América do Sul, com um forte histórico de inovações e foco no cliente – alavancando o poder, a conectividade e as oportunidades decorrentes de fazer parte de um dos maiores grupos bancários do mundo. Um agradecimento especial ao Sérgio por sua liderança nos últimos sete anos, que superou nossas expectativas em todos os sentidos. Espero trabalhar com ele, Mario e Carlos para continuarmos cumprindo nossos objetivos estratégicos, apoiando pessoas e empresas a prosperar, e construindo ‘One Santander'”, completou a executiva.

Rial declarou que passou os últimos dois anos trabalhando junto com o Conselho de Administração para garantir uma sucessão sem rupturas e que desse continuidade à gestão atual. “Nosso objetivo é continuar evoluindo em relação ao sucesso alcançado nos últimos sete anos, e espero trabalhar com o Mario e equipe ao iniciarmos essa nova fase no desenvolvimento da empresa, baseada em uma cultura aguerrida, destemida, inteligente e, acima de tudo, humana”, elogiou.

Compartilhe