Doritos doa espaço publicitário para artistas negros nos EUA

Buscar

Marketing

Publicidade

Doritos doa espaço publicitário para artistas negros nos EUA

Ação faz parte da campanha #AmplifyBlackVoices que doará US$ 1 milhão para publicidade, investimento no trabalho dos artistas e no Black Lives Matter


30 de junho de 2020 - 11h22

Criado pela BET, filme da Doritos apresenta artistas negros e imagens dos protestos do início do mês (Crédito: Reprodução)

Por Jessica Wohl, do Ad Age*

Doritos dará a artistas negros espaço em sua publicidade out-of-home, nos Estados Unidos, para que eles promovam sua mensagem como parte de um novo investimento, que inclui a doação de US$ 150 mil para o movimento Black Lives Matter.

A marca da PepsiCo também veiculou o filme de 30 segundos “Você nos escuta agora?”, durante a premiação do BET Awards, no domingo, 28. O evento criado pela Black Entertainment Television (BET) premia artistas afro-americanos da música, cinema, esporte e outras áreas do entretenimento. A campanha de Doritos foi criada pela própria BET e apresenta artistas negros e imagens dos protestos do início do mês.

Doritos afirma que os investimentos na plataforma #AmplifyBlackVoices incluem dar aos artistas negros a chance de assumir mais de US$ 650 mil em seu inventário de publicidade OOH. A marca está trabalhando junto à organização Black Lives Matter para identificar artistas em cidades como Minneapolis, Washington, Nova York, Los Angeles, Seattle, Atlanta, Dallas e Houston para o projeto. Outdoors, murais e outras instalações devem começar a ser usadas pela iniciativa no dia 6 de julho.

Cada instalação deve incluir um menção sutil a marca, com a mensagem “Doritos está com” antes da assinatura do artista e a hashtag #AmplifyBlackVoices.

Doritos não é a primeira grande marca a usar seu espaço publicitário para veicular mensagens de apoio à comunidade negra ao redor do mundo. No começo deste mês, o Twitter veiculou tweets do Black Lives Matter em outdoors e outros formatos de mídia OOH.

A campanha da marca de salgadinhos também está sendo promovida nas redes sociais, com um post que explica a ação da companhia. A empresa afirma que o plano de US$ 1 milhão inclui US$ 650 mil em inventário de mídia, US$ 200 mil para o trabalho dos artistas e US$ 150 mil em doação para o Black Lives Matter.

O movimento segue em separado do plano da PepsiCo de investir US$ 400 milhões em cinco anos para combater a desigualdade.

*Tradução: Taís Farias

**Crédito da foto no topo: Reprodução 

Publicidade

Compartilhe