“Foo Fighters foi uma das referências”, diz Globo sobre campanha

Buscar

Mídia

Publicidade

“Foo Fighters foi uma das referências”, diz Globo sobre campanha

Emissora diz que homenagem à banda americana não foi a única ideia que inspirou a campanha de fim de ano, que contou com a participação de mais de mil pessoas

Bárbara Sacchitiello
22 de novembro de 2017 - 10h55

Elenco da Globo se reuniu para tocar e cantar a música de fim de ano da emissora (Crédito: FReprodução)

Logo após estrear na edição de domingo, 19, do Fantástico, a campanha de fim de ano da TV Globo começou a gerar diversas discussões na internet. A imprensa especializada na cobertura televisiva e também os próprios espectadores nas redes sociais começaram a apontar a semelhança do vídeo, que reúne os artistas da casa, com a homenagem feita por fãs italianos à banda Foo Fighters, em 2015.

Na campanha da Globo, assinada pela Comunicação da emissora, atores, atrizes, apresentadores e jornalistas da emissora se reúnem em um grande espaço e, juntos, formam uma enorme orquestra, que toca e canta a famosa canção “Um Novo Tempo”. A formação dos músicos e o próprio estilo de filmagem têm bastante semelhança com o vídeo produzido pelos fãs italianos do Foo Fighters. Veja as duas sequências:

 

De acordo com a comunicação da emissora, a homenagem ao Foo Fighters foi uma das referências para a campanha de fim de ano. “A ação do Foo Fighters foi uma referência, mas não a única. Usamos várias outras, como outras edições do projeto Rockin100, que já montou essas grandes bandas para tocar AC/DC, Zeppelin, etc; a Virada Cultural de uns cinco anos atrás, quando levaram uma orquestra de baterias lá para o Anhangabaú; as da orquestra de bateristas de Florianópolis que participou da Maratona Cultural na cidade; uma reunião de bateristas em Aveiro, em Portugal, quando tentaram entrar para o Guiness, ou mesmo a incrível Rockestra, criada pelo Paul McCartney”, disse a Comunicação da Globo, em nota.

A emissora ainda diz que a ideia da campanha de 2017 surgiu como uma evolução da campanha do ano passado, em que o elenco da casa cantava junto. “Este ano, o objetivo foi colocar todos para tocarem juntos, pois percebemos que havia entre os nossos profissionais muitos instrumentistas, músicos, cantores. Queremos ter ainda representada a diversidade dos vários ritmos do Brasil tocados juntos”, diz a Comunicação da Globo.

Feita com produção da Sentimental, a campanha da Globo contou com a presença de mais de mil pessoas marcou a inauguração do MG4, completo de três estúdios dentro da emissora, com área de 4500 m2, que será utilizado para a gravação de novelas.

A campanha contou com direção de criação de Sérgio Valente, Mariana Sá e Leandro Castilho.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • comunicacao

  • Campanha

  • globo

  • elenco

  • fim de ano