Globo integra comercial e cria divisões por segmentos

Buscar

Mídia

Publicidade

Globo integra comercial e cria divisões por segmentos

Negociação com as marcas integrarão todas as plataformas e será trabalhada nos pilares de Serviços & Telecom, Bens de Consumo, Financeiro & Auto, Comércio e Governo

Bárbara Sacchitiello
28 de janeiro de 2020 - 16h57

Eduardo Schaeffer, diretor de negócios integrados em publicidade da Globo anunciou às mudanças para a equipe da emissora (Crédito: Divulgação/ Sergio Zalis)

Em mais uma etapa do projeto Uma Só Globo, que visa unificar todas as marcas da empresa em uma única estrutura, a Globo anuncia nesta terça-feira, 28, a unificação de toda a sua área comercial. Na prática, a emissora não irá mais comercializar, de forma isolada, espaços para anúncios na TV aberta, nos canais Globosat ou no Globplay. Toda o pilar de publicidade será integrado para que as negociações com anunciantes contemplem todas as plataformas.

Para complementar a mudança, a Globo também cria uma nova divisão em sua estrutura comercial, baseada no segmento dos anunciantes. As equipes da emissora serão estruturadas em núcleos para o atendimento e desenvolvimento de projetos das marcas de Serviços & Telecom, Bens de Consumo, Financeiro & Auto, Comércio e Governo. Segundo a Globo, esse novo formato, que passa a valer a partir de 1o de fevereiro, “será pautado pela inteligência de mercado, aliada ao desenvolvimento de produtos e soluções que atendam às estratégias de negócios e de comunicação dos clientes, em projetos desenhados em parceria com suas agências”, como diz a emissora, em nota.

Eduardo Schaeffer, diretor de negócios integrados em publicidade da Globo, explica que “o modelo tem como objetivo fortalecer a relação com todos os agentes do mercado publicitário, reforçando o vigor do ecossistema e contribuindo para que ele se mantenha robusto e capaz de gerar valor para todos os envolvidos”. O executivo ainda diz que a busca pela eficiência nos projetos de publicidade passa pela compreensão dos desafios dos mercados anunciantes e que a Globo está empenhada em entendê-los com mais profundidade.

A Globo também criará uma frente exclusiva de atendimento voltada às agências, cuja proposta será discutir novas oportunidades de negócios e estratégias para marcas.

Desde janeiro deste ano, a Globo vem aplicando o projeto de atuar como uma única empresa, que abriga as operações de TV aberta (Globo), T paga (Globosat), digital (globo.com) e streaming (Globoplay).

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • eduardo schaeffer

  • Globo

  • Globosat

  • globoplay

  • Globo.com

  • TV aberta

  • Conteúdo

  • midia

  • TV Paga

  • Publicidade

  • digital

  • Comercial

  • streaming

  • marcas

  • uma só globo

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”