Jornal Metro deixa de circular e envia edições por e-mail

Buscar

Mídia

Publicidade

Jornal Metro deixa de circular e envia edições por e-mail

Por conta da pandemia, veículo interrompeu distribuição nas ruas e oferece serviço de assinaturas de sua edição digital

Bárbara Sacchitiello
8 de abril de 2020 - 6h00

Edição digital do jornal é distribuída a assinantes, também de forma gratuita (Crédito: reprodução)

Após 13 anos de distribuição gratuita pelas ruas de São Paulo, o jornal Metro deixou de publicar duas edições impressas. O motivo é a pandemia da Covid-19, que além de diminuir a circulação das pessoas em locais públicos, também demanda medidas de isolamento social por parte das empresas.

Como alternativa, o Grupo Bandeirantes de Comunicação, responsável pela publicação do Metro, criou uma alternativa de distribuição. Chamado de Metro em Casa, o serviço oferece a edição digital do jornal por meio de uma assinatura gratuita. Para ter acesso, é preciso fazer um cadastro do site Metro em Casa.

No período, o veículo também alterou seu estilo de cobertura para acompanhar os desdobramentos mais importantes da pandemia, ajudando as pessoas a se orientarem sobre medidas de prevenção e formas de barrar o contágio.

Outro veículo de distribuição gratuita, o Destak também interrompeu sua circulação durante a pandemia. O jornal gratuito comunicou que pretende retomar a produção das edições impressas assim que a circulação das pessoas nas ruas retomar o ritmo normal.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Destak

  • Metro

  • grupo bandeirantes de comunicação

  • Conteúdo

  • midia

  • digital

  • Negócios

  • Jornais

  • jornalismo

  • Assinaturas

  • Circulação

  • Mídia impressa

  • Ruas