Funcionários testemunham em novo vídeo da JBS

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Funcionários testemunham em novo vídeo da JBS

Empresa usa colaboradores e mostra fábricas para reforçar atributos como segurança, rastreamento e padrões rígidos das marcas Friboi e Seara


21 de março de 2017 - 18h54

 

A JBS começará a veicular, na noite desta terça-feira, 21, um novo vídeo que foca em seus padrões de controle de qualidade. O objetivo é reverter os danos à imagem que vêm sendo causados pela Operação Carne Fraca, desencadeada na última sexta-feira, 17.

O comercial tem como protagonistas os funcionários e colaboradores da empresa, que receberam o vídeo em primeira mão na tarde desta terça-feira, quando Meio & Mensagem teve acesso ao conteúdo.

Oficialmente, o vídeo será exibido na internet e em rede nacional na TV a partir das 20h. Também será veiculado no intervalo do Jornal Nacional, da TV Globo.

No filme de um minuto, um narrador ressalta a referência que a marca criou em termos de qualidade. “Seguimos padrões internacionais em nossas unidades do Brasil e do mundo”, diz a narração. O vídeo também mostra funcionários de várias áreas da companhia defendo os padrões de qualidade. “Fico orgulhosa de saber que nossos produtos chegam com qualidade e segurança na mesa”, diz uma das colaboradoras.

Na última sexta-feira, 17, a Polícia Federal deu início à Operação Carne Fraca que prendeu pessoas envolvidas com práticas ilegais relacionadas à venda de carnes e embutidos. Ao todo, foram mais de mil policiais que fizeram buscas e apreensão em seis estados e em vinte e duas empresas. Dentre elas, as maiores e com maior presença na mídia BRF (proprietária das marcas Sadia e Perdigão) e da JBS (dona das marcas Friboi, Seara e Swift)

Gafe

Tony Ramos fala sobre o caso

Em entrevista à Rádio Jovem Pan, na manhã da segunda-feira 20, o ator Tony Ramos, garoto-propaganda da Friboi, falou sobre o caso. “Podem imaginar com que surpresa eu recebi a notícia. Fiquei assustado porque sou consumidor de carne. Antes de ser garoto-propaganda fiz pesquisa, fui saber da qualidade e fui averiguar os padrões”, disse.

tonyramos

“A empresa me pediu para ir com calma. Ainda tenho um ano de contrato e se algo desabonar essa relação tenho direito de interromper o contrato”

“É evidente que recebi para fazer as propagandas, quantos colegas já fizeram propagandas de construtoras que faliram e nem por isso eles são culpados”, disse. Tony Ramos ressaltou que não possui nenhum filme a ser feito para a empresa e que conversou com a Friboi na sexta-feira. “A empresa me pediu para ir com calma. Ainda tenho um ano de contrato e se algo desabonar essa relação tenho direito de interromper o contrato. Não estou brincando com isso. Estou dando a cara a bater. Não tenho que ter vergonha. Apenas anunciei algo em que acreditei”, disse Tony Ramos.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • gerenciamento de crise

  • friboi

  • seara

  • perdigão

  • alimentos

  • Tony Ramos

  • sadia

Comente