Após filme, Mattel lança Barbie Estranha no mercado dos EUA

Buscar

Após filme, Mattel lança Barbie Estranha no mercado dos EUA

Buscar
Publicidade

Mídia

Após filme, Mattel lança Barbie Estranha no mercado dos EUA

Boneca inspirada na personagem interpretada pela atriz Kate McKinnon será comercializada em edição limitada, pelo valor de US$ 50


7 de agosto de 2023 - 16h32

Mattel Barbie estranha

Barbie Estranha tem os cabelos desalinhados e marcas no rosto para representar que foi usada muitas vezes para brincar (Crédito: Divulgação)

Com informações do Ad Age

A lista de produtos inspirados no filme Barbie contará com mais um item. Além das centenas de licenciamentos que a Mattel autorizou mundo, agora, a famosa boneca chegará às prateleiras das lojas de brinquedos em uma nova versão, vinda diretamente da telona.

A Mattel decidiu produzir a Barbie Estranha (Weird Barbie), baseada na personagem que, no longa-metragem, é interpretada pela atriz Kate McKinnon.

“Nossa versão da boneca usa roupas inspiradas em cenas que você verá no filme, um vestido rosa brilhante com obras de arte coloridas e botas com estampas de pele de cobra. Ela também tem cabelos curtos e desalinhados e marcas no rosto para parecer uma boneca que foi usada um pouco demais”, descreve a Mattel, em seu site oficial.

Além disso, a boneca, tal qual a personagem, é bastante flexível na abertura de pernas e faz o movimento espacate.

Desenhada por Javier Meabe, a Barbie Estranha chega ao mercado dos Estados Unidos pelo valor de US$ 50. Os pedidos do brinquedo, cuja edição é limitada, podem ser feitos via online até o próximo dia 18.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Folha usa filosofia para tentar formar nova geração de leitores

    Folha usa filosofia para tentar formar nova geração de leitores

    Veículo apresenta a Coleção Pensadores para Crianças, com a proposta de apresentar a filosofia de forma mais simplificada

  • Após Disney+, Netflix também aumenta preços de assinaturas

    Após Disney+, Netflix também aumenta preços de assinaturas

    A gigante do streaming alterou valores em planos padrões, inclusive com anúncios, e o premium, dias após anúncio da rival Disney+