Conteúdos elaborados valorizam mídia online

Buscar

Conteúdos elaborados valorizam mídia online

Buscar
Publicidade

Mídia

Conteúdos elaborados valorizam mídia online

Pesquisa revela que conteúdo publicado na web ainda gera desconfiança quando comparado a outras mídias


7 de abril de 2015 - 9h30

Por Michel Bekhor(*)

A credibilidade da web ainda é baixa se comparada às mídias tradicionais. Tanto as notícias quanto os conteúdos publicitários veiculados na internet são percebidos com mais desconfiança. É o que indicam os dados da Pesquisa Brasileira de Mídia (PBM) 2015.

Segundo o levantamento, apenas 30% dos internautas acreditam em notícias publicadas na rede, enquanto as veiculações em meios tradicionais – revistas, jornais e TVs – é quase duas vezes maior. Para conteúdo publicitário na web, o indicador é ainda menor: apenas um quarto do público confia em anúncios veiculados online (veja o infográfico).
wraps

Isso ocorre porque a internet é percebida como “terra de ninguém”, onde a informação circula sem critério ou lastro. Para superar este gap de confiança e diferenciar as informações relevantes das falaciosas, é importante que anunciantes e marqueteiros trabalhem conteúdos mais elaborados – preferencialmente com elementos multimídia, como fotos, infográficos, vídeos, animações etc – e selecionem meticulosamente os canais para a veiculação de suas mensagens.

Ter o nome da empresa ligado a veículos offline, que já usufruem de credibilidade com suas versões digitais, também conta pontos a favor da marca. Isso porque nem todas as mídias 100% online são encaradas com o mesmo grau de confiança. Sites e portais de publicações renomadas são os que mais desfrutam de credibilidade, seguidos das mídias sociais e blogs.

Outro caminho interessante a ser seguido pelos anunciantes é elaborar uma estratégia que combine vários formatos de divulgação: além da publicidade, contemplar também conteúdo editorial e publieditorial.

Notadamente, esses dois últimos contam com um índice de credibilidade 20% superior ao de anúncios clássicos e são mais compartilhados pelos internautas. Basta, por exemplo, observar o grau de engajamento das notícias em suas redes sociais.

A facilidade de acesso e as diversas possibilidades de interação oferecidas pela internet são atributos com os quais a mídia tradicional não pode competir. A mídia online veio para ficar e vale a pena explorar todo seu potencial para minimizar os gaps de credibilidade.

* Michel Bekhor é jornalista e fundador da agência Press Works 

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Fora do BBB 24, Beatriz Reis já faz ‘publi’ para a própria Globo

    Fora do BBB 24, Beatriz Reis já faz ‘publi’ para a própria Globo

    Participante do reality aparece em vídeo publicado nas redes sociais da emissora convidando o público a acompanhar as três novelas da grade

  • Músicas de Taylor Swift retornam ao TikTok

    Músicas de Taylor Swift retornam ao TikTok

    Canções da cantora estavam fora da plataforma devido a impasses em contrato de licenciamento com a Universal Music, gravadora que a representa