Prefeitura amplia programa de WiFi gratuito em SP

Buscar

Prefeitura amplia programa de WiFi gratuito em SP

Buscar
Publicidade

Mídia

Prefeitura amplia programa de WiFi gratuito em SP

Empresas credenciadas vão prover internet em 619 pontos em troca da venda de espaço publicitário


30 de maio de 2019 - 11h07

Contrato vai promover 619 pontos de WiFi gratuito em locais públicos da capital (Crédito: Alex Potemkin/iStock)

A prefeitura de São Paulo anunciou o credenciamento de três empresas que irão fornecer WiFi gratuito em locais públicos da capital, podendo vender publicidade em contrapartida. A provedora America Net já assinou o contrato e iniciou a instalação dos pontos de acesso, enquanto Surf Telecom e WCS devem oficializar a parceria nos próximos dias. O projeto faz parte da iniciativa de expansão do programa WiFi Livre SP, que tem como objetivo promover a inclusão digital e a apropriação do espaço público.

A ampliação vai promover acesso livre ao WiFi em 619 locais públicos da cidade como praças, parques, bibliotecas, postos de saúde e centros culturais. Atualmente, a prefeitura contabiliza uma média de 10 milhões de acessos por mês, em 120 pontos. A expectativa é de que o volume triplique com os novos espaços.

A iniciativa também representa uma mudança no modelo de negócio do programa. Antes, a prefeitura pagava cerca de R$ 12 milhões para duas provedoras manterem a rede pública de WiFi. Agora, as credenciadas vão custear a implementação e gestão do serviço, em troca da comercialização de formatos publicitários. Para ter acesso a 30 minutos de internet, os usuários precisarão assistir anúncios de 10 segundos.

A prefeitura vai fornecer os postes para instalação dos equipamentos e instituiu velocidade mínima de 512 Kbps para o serviço. Daniel Annenberg, secretário municipal de inovação e tecnologia, afirmou que o modelo respeita as regras do Marco Civil da Internet e da Lei Geral de Proteção de Dados.

Outra particularidade do contrato está na cobertura. Entre os 619 pontos, 300 são obrigatórios e 319 opcionais. A prefeitura justifica que a imposição garante a instalação do WiFi gratuito em bairros periféricos, onde a atratividade comercial é considerada menor. America Net e Surf Telecom demonstraram interesse em cobrir todos os locais listados.

 

*Crédito da foto no topo: Reprodução

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Fora do BBB 24, Beatriz Reis já faz ‘publi’ para a própria Globo

    Fora do BBB 24, Beatriz Reis já faz ‘publi’ para a própria Globo

    Participante do reality aparece em vídeo publicado nas redes sociais da emissora convidando o público a acompanhar as três novelas da grade

  • Músicas de Taylor Swift retornam ao TikTok

    Músicas de Taylor Swift retornam ao TikTok

    Canções da cantora estavam fora da plataforma devido a impasses em contrato de licenciamento com a Universal Music, gravadora que a representa