Após 4 meses, Simba fecha primeiro acordo com Vivo

Buscar

Mídia

Publicidade

Após 4 meses, Simba fecha primeiro acordo com Vivo

Operadora da Telefônica acertou remunerar a joint-venture pelo sinal de RecordTV, SBT e RedeTV

Bárbara Sacchitiello
2 de agosto de 2017 - 10h55

(Crédito: Fotolia)

A Simba Content teve sua primeira vitória no embate com as operadoras de TV paga pela remuneração do sinal de SBT, RecordTV e RedeTV. A Vivo, que pertence à Telefônica, aceitou pagar à joint venture um valor pelo pacote dos três canais, algo que a Simba vinha pleiteando desde março.

Em abril, Vivo e Simba Content estiveram bem próximas de assinar um contrato, de acordo com informações obtidas pela reportagem. A decisão final, porém, foi travada por divergências em relação ao preço cobrado pelo fornecimento dos canais. Tanto a Simba Content quanto a Vivo ainda não comentam sobre a negociação e nem sobre os valores definidos.

A parceria com a Vivo representa um importante passo para a causa da Simba. Desde o início, a operadora foi a empresa que se mostrou mais disposta a negociar com a joint venture. Por conta disso, a VivoTV foi a única a manter o sinal de Record, RedeTV e SBT no ar após o desligamento do sinal analógico. Apesar do diálogo aberto, em junho, a operadora da Telefônica havia comunicado aos seus clientes que os três canais abertos sairiam do ar pelo fato de a Simba não ter chegado a uma negociação viável com a operadora.

Agora, a Simba Content ainda tem pela frente a missão de negociar com Net, Sky e OiTV, que, junto com a Vivo, respondem por quase a totalidade da base de assinantes de TV paga na Grande São Paulo e nas regiões onde já ocorreu o switch-off do sinal analógico. Desde 1º de abril, RecordTV, SBT e RedeTV estão fora do ar para os assinantes das três operadoras.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Conteúdo

  • TV Paga

  • net

  • redetv

  • sbt

  • Sky

  • Vivo

  • Telefonica

  • Simba Content

  • RecordTV

  • OiTV

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”