Y&R forma primeira turma da Escola Rua

Buscar

Comunicação

Publicidade

Y&R forma primeira turma da Escola Rua

Com o objetivo de aumentar número de pessoas pobres e periféricas nos departamentos de criação, agência buscou 14 estudantes para programa de extensão

Salvador Strano
20 de janeiro de 2020 - 6h02

Crédito: divulgação

A Young & Rubicam formará, no fim de janeiro, sua primeira turma da Escola Rua. O objetivo do projeto é formar publicitários de universidades periféricas em um curso de criação de excelência que os prepare ao mercado profissional.

O projeto é uma resposta ao desconforto de Felipe Silva, redator sênior da agência. O publicitário vinha de uma área pobre de Niterói. Em agências, explica, raramente via pessoas da mesma origem ocupando cadeiras nas áreas estratégicas para o funcionamento da operação. “O Rua é um primeiro passo para o nosso mercado ter mais diversidade e inclusão para além do discurso e da fala”, afirma Felipe.

Ao todo, foram três meses de aulas realizadas aos sábados na sede da Young. Os alunos foram divididos em sete duplas de criação. Eles receberam bolsas de estudo ao longo do curso e, agora, finalizam o projeto com a consolidação de um portfólio que será apresentado para a busca de empregos. A própria Y&R, inclusive, irá internalizar alguns dos alunos do Rua. Depois do término do curso, explica Silva, os diretores da Young realizarão um esforço de indicação dos alunos para outras operações do grupo WPP e de outras holdings.

“Temos um consumo absurdo nas regiões periféricas, mas não temos pessoas criando com essa mesma cabeça. O mercado tem um gap de não ter representatividade, e isso em um País formado por sua maioria por pessoas da classe C”, afirma Felipe.

Nesta primeira turma, a agência afirma ter investido cerca de R$ 80 mil reais. O próximo grupo do Rua começará as aulas no início de fevereiro.  Desde 2018, a Publicis mantém uma iniciativa similar, só que voltada ao público feminino. O Entre visa aumentar a presença de mulheres na criação e, anualmente, forma 30 criativas em seu curso.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Felipe Silva

  • WPP

  • Y&R

  • Escola Rua

  • Criação

  • Agencias

  • diversidade

  • inclusao

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”