A polêmica do McPicanha: Procon notifica McDonald’s

Buscar
Publicidade

Comunicação

A polêmica do McPicanha: Procon notifica McDonald’s

Rede de fast-food terá de apresentar tabela nutricional dos ingredientes de seu sanduíche após a notícia de que a mais nova linha contém molho sabor picanha em vez do tipo de carne

Bárbara Sacchitiello
28 de abril de 2022 - 18h57

No início de abril, o McDonald’s promoveu uma ação dentro do reality show Big Brother Brasil, do qual a marca foi uma das patrocinadoras, para apresentar aos participantes os novos sabores da linha Picanha. As cenas foram exibidas na edição e, dias depois, a empresa anunciou que a ação tinha dado origem ao primeiro filme publicitário gravado dentro de um reality-show. A Galeria, agência de publicidade do McDonald’s, foi responsável pela criação da da publicidade.

 

Arthur, campeão do BBB 22, participa da ação de divulgação dos novos sabores da linha Picanha (Crédito: Reprodução)

Apesar de todo o investimento para produzir a ação publicitária, a promoção dos sanduíches, agora, estão trazendo problemas para a rede de fast-food. Nesta quinta-feira, 28, o Procon-SP notificou a Arcos Dorados Comércio de Alimentos, que representa a rede de fast food no Brasil, pedindo esclarecimentos acerca dos ingredientes de seu sanduíche. O motivo: embora tenha o nome de McPicanha, a linha de sanduíches não contém esse tipo de carne em sua composição, de acordo com a página do Instagram chamada Coma Com os Olhos.

Sem picanha
Em um post publicado há mais de uma semana, mas que ganhou repercussão agora, a página Coma com os Olhos alertava o público, no Instagram, de que a linha Picanha não continha, de fato, picanha nos sanduíches porque esse tipo de carne foi retirado do cardápio da rede de fast food e que os banners dos pontos de venda continham a informação de que o Picanha Cheddar Bacon e Picanha Salada Bacon contém molho sabor Picanha e não a carne, em si. A página questionava que tal informação não era claramente passada aos consumidores e que, por isso, faria uma reclamação no Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar).

Com a repercussão do caso, o Procon estipulou que a empresa tem até o dia 2 de maio para apresentar a tabela nutricional dos sanduíches, atestando a composição de cada um dos ingredientes. “Também foi solicitado que o McDonald’s apresente os gabaritos das embalagens utilizadas para acondicionamento dos produtos nas lojas físicas para consumo imediato e para entrega (delivery) e cópia dos materiais publicitários e das mídias de divulgação da linha de 2022, bem como da campanha imediatamente anterior dos sanduíches com a presença de “sabor acentuado de churrasco e/ou picanha”, veiculados nos meios de comunicação e nas redes sociais pela empresa e por parceiros”, diz o texto do Procon.

O Conselho de Autorregulamentação Publicitária (Conar) também abrirá um processo para analisar o teor da campanha publicitária feita para a linha Picanha, para avaliar se houve alguma violação ao código de ética da entidade. O filme que mostrava os participantes do BBB comendo o sanduíche não está mais disponível no canal da marca no YouTube.

Publicidade

Compartilhe

Veja também