Alcatel muda marca e direção para crescer no Brasil

Buscar

Marketing

Publicidade

Alcatel muda marca e direção para crescer no Brasil

Companhia estreia ecommerce próprio e amplia portfólio de smartphones em busca da vice-liderança da categoria

Fernando Murad
19 de abril de 2016 - 12h03

A Alcatel pretende iniciar uma nova fase de sua atuação no País em 2016. Os três pilares dessa mudança são a reformulação global da marca, a troca no comando na companhia, e a renovação do portfólio de smartphones. O objetivo é assumir a vice-liderança de mercado de telefones inteligentes no País, posto que ocupa na América Latina, segundo dados da empresa.

A nova marca, anunciada no Mobile World Congress, em Barcelona, eliminou o sobrenome OneTouch – pesquisas apontaram que o nome era complexo para os millennials, público prioritário da companhia atualmente – e deixou a cor azul para adotar o lilás. Além disso, a grafia passou a ser toda em letras minúsculas. O trabalho foi realizado pela Landor.

Nova marca da Alcatel desenvolvida pela Landor

Nova marca da Alcatel desenvolvida pela Landor (crédito: divulgação)

Em termos de liderança, Enrique Ussher (ex-J Macedo e Motorola) assumiu a presidência da companhia para a América Latina, enquanto Fernando Pezzotti (ex-Samsung) ocupou o cargo de presidente para o Brasil. Já Roberto Soboll (também ex-Samsung) é o novo diretor executivo de produtos para a América Latina. Os três estão baseados em São Paulo, no novo escritório da companhia na Vila Olímpia.

Segundo André Felippa, vice-presidente de marketing da Alcatel, a mudança na liderança vem acelerar o negócio no País. “Na América Latina a marca é a número dois em smartphone atrás da Samsung. No Brasil está aquém”, conta. De acordo com informações da GfK e da IDC fornecidas pela Alcatel, a marca aparece entre as cinco primeiras no mercado brasileiro.

Modelo Pixi 4

Modelo Pixi 4 (crédito: divulgação)

Para aumentar a participação, a companhia colocou no ar há um mês uma loja virtual e começa a apresentar ao público a partir do final de abril seu novo portfólio de produtos. Os primeiros lançamentos serão da família Pixi, linha de entrada da fabricante. Serão cinco modelos. Em maio será a vez da linha intermediária Pop (um aparelho). Posteriormente chegará ao mercado o novo aparelho da linha Idol, a principal. Os preços variam de R$ 399 a R$ 1.599.

O ecommerce também comercializará produtos de outras categorias como tablets, acessórios (como capas de celular), smartwatch e GPS para coleira de cachorro, por exemplo. “Vamos explorar muito os acessórios conectados. Mas ainda estamos estudando”, diz Felippa. As novidades devem começar a chegar ainda no segundo trimestre.

O lançamento do portfólio contará com uma campanha assinada pela Garage. A ação, focada no digital, terá início em abril. Já a nova marca ainda não tem campanha prevista. Na próxima semana um workshop global em Paris definirá o novo slogan da Alcatel no mundo. “O slogan ‘Smart Move’ era mais racional. Queremos ter uma relação mais emocional com os consumidores”, afirma o vice-presidente de marketing.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Enrique Ussher

  • Fernando Pezzotti

  • Roberto Soboll

  • André Felippa

  • gfk

  • Samsung

  • Motorola

  • Alcatel

  • J Macedo

  • IDC

  • Landor

  • Garage

  • Mobile World Congress