Tecnologia, o novo sabor do McDonald’s

Buscar

Marketing

Publicidade

Tecnologia, o novo sabor do McDonald’s

Loja conceito em São Paulo tem painéis digitais, tablets e mesas interativas para tornar o atendimento mais eficiente

Thaís Monteiro
26 de julho de 2017 - 18h57

Fachada remodelada da loja (Crédito: Divulgação)

Nesta quinta-feira, 27, a rede de fast food McDonald’s inaugura aos consumidores sua nova loja conceito na Rua Henrique Schaumann, em São Paulo. O estabelecimento de três décadas ganhou uma reforma em estilo francês, seguindo o exemplo da nova identidade visual da marca nos Estados Unidos, França, Hong Kong, Índia e Argentina, novos aparatos tecnológicos que visam atender a demanda com rapidez.

Totem de atendimento (crédito: divulgação)

O objetivo, segundo Roberto Gnypek, vice-presidente de marketing do McDonald’s, é solucionar uma das demandas mais atuais da sociedade: mais tempo. “Quando olhamos para tudo o que está acontecendo no mundo moderno, o recurso que o consumidor menos tem é tempo. Nós somos uma empresa que fornece alimentação. E nós nos perguntamos como é que conseguimos, no nosso papel, de conveniência, uma melhor experiência para o consumidor, que seja mais agradável, que ofereça um serviço mais personalizado e que faça ele ganhar tempo”, explica.

Para isso, foram instalados na unidade as chamadas magic tables (mesas interativas nas quais os frequentadores podem jogar games que são projetados do teto), mesas com tablets para uso recreativo e painéis digitais (totens) para agilizar os pedidos. Toda essa tecnologia tem a função de transformar o tempo que o cliente poupa na rapidez do pedido em conforto e recursos para o consumidor se divertir e acessar redes sociais e aplicativos durante a refeição.

“A principal função desse aporte tecnológico é que o consumidor possa ter um produto de qualidade e com a maior agilidade, e o tempo que ele economizar com isso ele ganhe na interação com a tecnologia nos nossos restaurantes”, diz o vice-presidente.

A tecnologia também dará abertura à rede conhecer melhor seu público. Nos totens, o cliente pode informar seu CPF e disponibilizar ao McDonald’s acesso à sua base de dados e histórico de pedidos para que um bot tenha a permissão de sugerir lanches condizentes com o comportamento do consumidor. Esse método também foi implantado de forma off-line no treinamento dos funcionários da lanchonete. Com novos uniformes que pretendem transmitir proximidade com o público e flexibilidade aos funcionários através de cores vivas, os atendentes agora têm abordagem mais própria e liberta para oferecer sugestões ao cliente conforme seu comportamento na loja.

Funcionários terão maior autonomia no atendimento ao público (crédito: divulgação)

“Temos quase 50 mil funcionários no Brasil, atendemos quase dois milhões de pessoas por dia, então é importante que olhemos para essa interação dos nossos consumidores com os nossos atendentes e melhoremos isso. Durante muito tempo no nosso negócio, foi importante ensinarmos o nosso cliente a consumir nossos produtos: explicamos porque o combo valia mais a pena, as promoções. O atendimento era padronizado. Hoje, ele quer ter a liberdade de escolher, personalizar e acrescentar itens no sanduíche. Então, hoje, os nossos funcionários são capacitados para atender melhor o consumidor, seu perfil e a sua situação — se você precisa de conveniência ou está com pressa — e aprender a atuar dentro disso. Durante muito tempo as pessoas falavam que o atendimento do McDonald’s era robotizado e nós estamos buscando combater isso”, esclarece. Gnypek afrima que a automatização do serviço pelos totens não teve como consequência a redução de funcionários.

A ação de lançamento do novo restaurante foi desenvolvida pela DM9DDB, que fez uma transmissão ao vivo no Facebook da marca, antes do evento de apresentação para a imprensa realizado nesta
quarta-feira, 26, para desempacotar a nova unidade conceito. A loja inteira foi embrulhada com plástico bolha e papelão para que, na live, os youtubers Fernando Escarião e Mohamad Hindi fizessem um unboxing da loja e tirassem dúvidas sobre as novidades presentes na lanchonete conforme os pedidos dos telespectadores.

Unidade foi embrulhada para o lançamento (Crédito: Pedro Chavedar)

“A ideia de fazer um unboxing é tratar a loja como qualquer outro produto de tecnologia e que traz novidade. Porque você faz unboxing do que? Do que as pessoas ainda não conhecem, não conhece os features, para que que serve, qual é o objetivo daquilo. Então a gente tratou do mesmo jeito. Por que? Porque esse é o primeiro restaurante nesse molde dentro do Brasil”, explica Adriano Alarcon, diretor de criação da conta do Mc Donald’s. A transmissão alcançou 220 mil usuários da plataforma e obteve 45 mil comentários.

Eduardo Battiston, vice-presidente de criação digital da DM9DDB, exalta a coragem da equipe do Mc Donald’s: “Muitas pessoas poderiam pedir para filmar aos poucos e depois editar para publicar um vídeo. Os mestres de cerimônia entraram na cozinha, testaram todas as novidades. O Mohamad entrou na cozinha e fez um sanduíche. Foi divertido”.

Para as próximas ações digitais, a agência fará um vídeo em 360º para que o público de fora da cidade conheça a loja e decida visitar, e uma série de publicações para explicar as novidades nas páginas da lanchonete de fast food nas redes sociais.

(Crédito: Eloisa Lisboa)

Nos próximos três anos, a empresa busca implementar aos poucos os novos aparatos nas demais 903 unidades da rede no País. A unidade da Rua Henrique Schaumann funcionará como teste. Nela, o McDonald’s estudará as falhas e melhorias do novo conceito para aplicar no restante do Brasil.

Assinada pelo arquiteto francês Patrick Norguet, a nova decoração do espaço segue o conceito “No Deco”, em que utiliza tons pasteis e neutros para dar ao restaurante sensações de amplitude e leveza. As áreas comportadas pela unidade, uma das maiores da rede, como o McCafé e o Espaço Kids, ganharam divisórias de vidro definindo suas funções. O novo restaurante também conta com duas pistas para atender simultaneamente dois carros no drive-thru.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • digital

  • Mc Donalds

  • DM9DDB

  • Conceito

  • loja conceito

  • atendimento digital

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”