Magalu e Caixa fazem acordo para uso do auxílio emergencial

Buscar

Marketing

Publicidade

Magalu e Caixa fazem acordo para uso do auxílio emergencial

Funcionalidade permite que os beneficiários utilizem o cartão virtual da Caixa Econômica Federal nos canais digitais da varejista, sem necessidade de cartão de crédito


15 de abril de 2020 - 6h00

(Crédito: reprodução)

A rede Magazine Luiza fez uma parceria com a Caixa Econômica Federal para possibilitar que os beneficiários do auxílio emergencial, criado pelo governo federal para ajudar famílias de baixa renda durante a pandemia do novo coronavírus, possam usar este valor para fazer compras em seus canais digitais. Essas pessoas poderão usar o cartão virtual da Caixa para comprar no Magalu, ou seja, não precisam de um cartão de crédito.

As primeiras pessoas que poderão comprar diretamente no site da varejista são as cadastradas no Bolsa Família e no Cadastro Único que receberem o auxílio por meio de sua conta na Caixa. Já aquelas pessoas que não possuem conta em banco terão acesso ao cartão virtual da Caixa nas próximas semanas, quando também poderão comprar nos canais digitais do Magalu. Além disso, a partir de agora as pessoas que detêm a funcionalidade débito da Caixa também poderão comprar diretamente no e-commerce da companhia. 

São mais de 1,5 mil itens de mercado e essenciais, como fraldas, detergente, sabonetes e álcool gel, que podem ser adquiridos pelos beneficiários, todos vendidos e entregues pela varejista com frete grátis para todo o Brasil, independentemente do valor da compra. “Vamos facilitar a vida daqueles que não têm conta corrente nem cartões de débito ou de crédito”, afirmou Frederico Trajano, CEO do Magalu, em nota.

Esta não é a primeira iniciativa que a companhia realizou durante o período de pandemia. Há alguns dias do início do decreto de isolamento social por parte dos governos estaduais, a empresa colocou em operação o projeto Parceiro Magalu, que oferece suas plataformas digitais para pequenos varejistas e autônomos venderem seus produtos. Em levantamento feito pela plataforma MindMiners, a pedido do Meio & Mensagem, a marca apareceu entre aquelas lembradas pelas pessoas por atitudes tomadas neste momento de crise.

**Crédito da imagem no topo: Reprodução

Publicidade

Compartilhe