O papel do Free Fire na fase gamer de Anitta

Buscar

Marketing

Publicidade

O papel do Free Fire na fase gamer de Anitta

Cantora estreou como streamer jogando com Samira Close, Rebeca Trans, Uma Dani e Nobru; Mano Brown, DJ Alok, Fióti, Lexa e outros artistas também adotaram os games

Luiz Gustavo Pacete
8 de setembro de 2020 - 13h00

 

A primeira live gamer da Anitta chegou a quase 800 mil pessoas em acessos totais

Na última sexta-feira, 4, a cantora Anitta estreou mais uma fase de sua carreira, desta vez como gamer. Anitta chegou a quase 800 mil pessoas assistindo sua primeira live no Facebook Gaming jogando Free Fire, título da Garena que vem batendo recordes de audiência no Brasil. Ela formou um time com as drag queens Samira Close e Rebeca Trans e a youtuber Uma Dani, que já são streamers profissionais.

No domingo, 6, Anitta voltou a fazer streaming, desta vez com Nobru, estrela do time de Free Fire do Corinthians e, atualmente, um dos principais nomes dos e-sports brasileiros. Durante a live, em conversa com Nobru, Anitta explicou o que a motivou a investir no Free Fire. “Eu desconhecia o tamanho deste cenário gamer, fui apresentada a ele pela Uma Dani, youtuber e minha amiga, e depois fui orientada por meus empresários internacionais que jogar seria uma forma importante de divulgação do meu trabalho”, afirmou.

Anitta reforçou que com o ritmo de viagens restrito em função da pandemia, nos próximos meses, a divulgação internacional de seu trabalho pode ser facilitada pelos games. A conexão entre artistas da música e os games é algo cada vez mais frequente no Brasil e no cenário internacional. O DJ Alok, por exemplo, virou personagem do mesmo Free Fire em novembro do ano passado. Em entrevista recente ao Meio & Mensagem, Alok destacou a força dos games como plataforma de entretenimento. “Com a volta de shows e grandes festivais apenas em 2021 ou até 2022, a aproximação da música com o mundo virtual do games passa a ser uma realidade”, disse Alok.

No domingo, 6, a cantora jogou com Nobru, um dos maiores nomes do Free Fire brasileiro

Em dezembro do ano passado, Mano Brown e Mc Jota Pê fizeram um clipe em parceria cujo tema principal era o Free Fire. Em abril deste ano, o rapper Travis Scott fez um show exclusivo para jogadores de Fortnite batendo recorde da plataforma com mais de 10 milhões de pessoas assistindo ao vivo. Em maio, a Som Livre, no Brasil, se associou ao game Avakin Life, da inglesa Lockwood Publishing, para a transmissão do primeiro show virtual de um artista de rap brasileiro, o Haikaiss. A mesma Som Livre, em parceria com a Globo, já havia colocado a cantora Lexa em ações especiais do jogo Just Dance.

Evando Fioti, CEO da Laboratório Fantasma, selo lançado em parceria com o irmão Emicida, que também vem desenvolvendo conteúdo relacionado ao mundo dos games na Twitch, destaca a oportunidade de reinvenção de muitos artistas neste ecossistema. “É possível entender as dinâmicas de suas comunidades em um ambiente muito conhecido pela versatilidade do ecossistema gamer”, diz Fióti.

Publicidade

Compartilhe