Instagram desenvolve versão Lite para Android

Buscar

Mídia

Publicidade

Instagram desenvolve versão Lite para Android

Aplicativo estará disponível apenas na Google Play Store e é destinado a usuários que contam com baixo acesso à internet


13 de abril de 2021 - 17h39

 

App está disponível para usuários do sistema Android (Crédito: Divulgação/Instagram)

Visando oferecer um produto mais acessível aos brasileiros em termos de velocidade, desempenho e capacidade de resposta, o Instagram lança nesta quarta-feira, 14, a versão Lite do aplicativo no Brasil. A princípio, o novo app será destinado a usuários do sistema Android — através da através da Google Play Store –, que poderão realizar o download de uma versão mais leve que ocupa menos espaço na memória do smartphone. A versão já havia sido lançada em março em mais de 170 países.

O principal objetivo do lançamento é aumentar o alcance do Instagram entre pessoas que não contem com conexões de internet estáveis, seja através de pacotes de dados ou uso de Wi-Fi. Além disso, a empresa afirma que o novo aplicativo irá possibilitar que cidadãos que vivem em comunidades rurais e remotas possam ter experiências de alta qualidade no Instagram a partir da utilização mínima de dados. 

Os usuários do Instagram Lite terão a mesma experiência daqueles que utilizam a versão convencional do aplicativo. Apesar disso, alguns recursos não estarão presentes, uma vez que ainda não são suportados. São eles: transmissões ao vivo, Instagram Shopping e a ferramenta da criação de Reels. Esta última está prevista para ser disponibilizada nos próximos meses. Em relação a conteúdos de IGTV, será possível realizar apenas a pré-visualização dos vídeos.

As problemáticas identificadas pela companhia, que levaram ao desenvolvimento da versão, envolvem a fragmentação de dispositivos. Segundo levantamento do Facebook, mais de 50% das pessoas no mundo adquirem dispositivos lançados há cerca de dez anos. Além disso, em mercados emergentes, uma parcela significativa da população depende de conexões móveis que não passam de 2G e 3G e tais planos ainda são muito caros. 

Entre as estratégias que o Instagram Lite adotou estão a implementação da tecnologia thin client, que faz com que a maior parte do processamento do app ocorra no servidor e não no aparelho do consumidor. Outra técnica foi a decomposição de pacotes Java subjacentes, que tem a capacidade de identificar o que era realmente útil na versão convencional e o que poderia ser reconstruído do zero.

Diversos serviços do grupo do Facebook já possuem versões lite, como é o caso do WhatsApp, Messenger e até mesmo do próprio Facebook. Empresas como Uber, Spotify, Twitter e Amazon, com o Kindle, também contam com aplicativos mais leves. 

*Crédito da imagem do topo: Dole777/Unsplash

Publicidade

Compartilhe