Após comentários negativos, Gillette reafirma posicionamento

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

Após comentários negativos, Gillette reafirma posicionamento

Vídeo da campanha "We Believe: The Best Men Can Be" recebeu o dobro de dislikes

Thaís Monteiro
16 de janeiro de 2019 - 15h50

(Crédito: Reprodução)

No domingo, 13, a Gillette, marca da P&G divulgou uma nova campanha que bate de frente com o tema da masculinidade tóxica, apoiando-se em movimentos recentes como o #MeToo. A repercussão foi dividida. Parte do público aplaudiu a marca pela coragem e uma grande maioria criticou a Gillette por generalizar o comportamento, atacar a masculinidade. Houve até ameaças de boicote. O filme da campanha no YouTube recebeu, até o momento,  273 mil curtidas contra 658 mil descurtidas.

Em entrevista ao The Drum, Elena Valbonesi, diretora da Gillette Venus para a Europa, explicou que a marca já havia começado a fazer uma comunicação que incentiva os homens a assumir papéis diferentes dos estereótipos e que divulgar o filme nos Estados Unidos foi um passo maior para tornar global a missão da marca de encorajar os homens a serem a melhor versão de si mesmos. “A geração mais jovem requer mais das marcas do que apenas vender produtos… Eles apreciam o significado que a Gillette tem para eles. Isso é exatamente isso que queríamos fazer e vamos continuar fazendo no futuro”, conta a executiva.

Sobre as críticas, Valbonesi diz que a marca está contente com o nível de engajamento e conversa que a campanha gerou porque acreditam que o tema é importante. Já sobre os boicotes, a executiva conta que eles “observam muito bem o que está impactando a marca. Mas o importante é que Gillette seja autêntica para si e aos olhares dos consumidores de diversas gerações”.

Via comunicado enviado à reportagem de Meio & Mensagem, a Gillette pontua que a mudança da masculinidade já está acontecendo e quer fazer parte dela. “A P&G acredita que esta é uma mensagem universal na qual todos podem se conectar, independente da sua idade ou origem”, diz o posicionamento. Confira o comunicado completo:

“A nova campanha de Gillette ‘The best men can be’ é um chamado para que todos os homens se desafiem e se inspirem a ser a melhor versão de si mesmos, todos os dias. A P&G acredita que esta é uma mensagem universal na qual todos podem se conectar, independente da sua idade ou origem.

Homens, em todos os lugares do mundo, já estão trabalhando para reescrever as regras sobre o que parece ser ‘o melhor’ e se unindo para fazer isso acontecer. Como uma marca que é parte essencial da masculinidade há mais de um século, Gillette quer fazer parte dessa mudança.”

**Crédito da imagem no topo: Reprodução/Gillette

Publicidade

Compartilhe

Comente