Caio Bamberg assume como CEO da Ketchum

Buscar

Acontece no meio

Publicidade

Caio Bamberg assume como CEO da Ketchum

Sócias fundadoras da companhia de PR no Brasil se tornam conselheiras; ex-COO da Wunderman assume em abril

Roseani Rocha
14 de março de 2019 - 15h07

Nesta 5ª-feira, 14, a Ketchum está anunciando Caio Bamberg, até então chief operation officer da Wunderman no Brasil, como seu novo CEO. As sócias fundadoras da companhia de PR – Valéria Perito e Rosâna Monteiro – passam a assumir funções consultivas no Advisory Board da agência. Valéria era a atual CEO e Rôsana, COO.

Caio assume como novo líder da Ketchum no Brasil, efetivamente, em 15 de abril. Segundo a empresa caberá a ele dar o direcionamento estratégico da companhia, assim como do crescimento dos negócios. A presidente da Ketchum para América Latina, Esty Pujadas, comentou, em comunicado, que a empresa buscava um profissional que abraçasse todas as oportunidades digitais. “Encontramos alguém que valoriza a integração, que reúne equipes para contribuir com as melhores ideias e, consequentemente, alcança o máximo da criatividade, sempre combinando engajamento espontâneo com ativações pagas, e, por fim, desenvolve novos modelos para apoiar a estratégia por trás de marcas e empresas”, disse Esty.

Antes da Wunderman, Bamberg também havia atuado na Ogilvy & Mather e chegou a ter uma empresa própria, a Urban Summer Digital Creative. Em seus 20 anos de experiência, já atendeu a clientes como IBM, Dell, General Motors, Renault, ESPN, Audi, Telefônica Vivo, Santander e Google.

Esty Pujadas também ressaltou o valor “inestimável para o desenvolvimento da agência, desde sua fundação” do trabalho de Valéria e Rôsana, que há 32 anos haviam fundado a Estratégia, que virou Ketchum Estratégia, em 2011, e somente Ketchum Brasil, em 2014.

Compartilhe

  • Temas

  • Valéria Perito

  • Rosana Monteiro

  • Caio Bamberg

  • Esty Pujadas

  • Wunderman

  • Ketchum Brasil

  • RP

  • pr

  • relações públicas

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”