Ambev: as estratégias em inovação aberta

Buscar
Publicidade

ProXXIma

Ambev: as estratégias em inovação aberta

Pela terceira vez consecutiva, empresa lidera ranking de investimento em negócios com startups

Preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem:


26 de outubro de 2023 - 16h26

Renato Biava, people & strategy director at AmbevTech, representou a Ambev no 100 Open Startups (Crédito: Divulgação)

Renato Biava, people & strategy director at AmbevTech, representou a Ambev no 100 Open Startups (Crédito: Divulgação)

A Ambev foi eleita pela 100 Open Startups como a empresa brasileira que mais praticou inovação aberta no Brasil. A curadoria celebra os investimentos em startups e que promovem o crescimento do ecossistema.

Desse modo, a empresa foi destaque na categoria de Bens de Consumo e Alimentação, ocupando também a 1ª posição. Além disso, a empresa aumentou em 38,9% a pontuação em relação ao ano anterior.

Renato Biava, people & strategy director at AmbevTech, explica que a inovação aberta é crucial para a estratégia de negócios da marca. “Passamos por uma profunda evolução cultural, que nos permitiu transformar o nosso negócio, passando a atuar como uma plataforma baseada na escuta ativa e na visão de longo prazo. E a inovação aberta tem sido um pilar estratégico e fundamental para a empresa continuar conquistando e encantando mais fãs”, diz.

Os principais investimentos da Ambev

Na transversal de investimentos em startups, a Ambev conta com três pilares principais. O primeiro é o 100+ Labs Brasil realizado em parceria com PPA e USAID, e executada com a Quintessa que une inovação e sustentabilidade. Essa iniciativa tem como foco desafios relacionados a sustentabilidade e responsabilidade socioambiental. As três primeiras edições desse projeto aceleraram mais de 50 empresas somando R$ 13 milhões investidos.

Outro projeto é o Além, que busca soluções de logística para a entrega de bebidas geladas, para alavancar a qualidade do serviço e a escala da nossa proposta de valor no ecossistema Zé Delivery. Assim, a empresa também busca melhorar a jornada dos clientes e impacto nas campanhas de marketing. Dessa forma, desde 2021, de lançamento, 22 startups receberam auxilio com um investimento de mais de R$ 2,2 milhões.

Além desses, o Innochallenge é um projeto com foco em conexões de startups . Dessa forma, a empresa busca soluções para desafios mapeados em diversas áreas da Ambev. “Sabemos que é impossível inovar sozinho e, tendo consciência da nossa capilaridade, queremos que nosso ecossistema evolua e cresça junto com a gente”, afirma Biava.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • EY aponta a mudança da realidade no trabalho

    EY aponta a mudança da realidade no trabalho

    Flexibilidade, IA e wellbeing são os temas prioritários, detalhados pelo sócio de consultoria em gestão de pessoas da EY Brasil, Oliver Kamakura

  • Zenvia: o impacto das redes sociais nas decisões de compra

    Zenvia: o impacto das redes sociais nas decisões de compra

    Pesquisa do Conselho Internacional de Shoppings Centers revela que 85% da geração Z é influenciada principalmente pelo TikTok e Instagram