>>>>1131 >>> >>>1131 >>

YouTube homenageia criadores no Mês do Orgulho LGBTQIA+

Buscar

Últimas notícias

Publicidade

YouTube homenageia criadores no Mês do Orgulho LGBTQIA+

Empresa diz que criadores LGBTQ+ ajudaram a fazer da plataforma o que ela é hoje


13 de junho de 2018 - 15h37

Semana passada, o YouTube lançou sua campanha para o Mês do Orgulho LQBTQIA+, que acontece neste junho. A plataforma criou um filme-compilado de vídeos de grande parte dos seus criadores de conteúdo assumidamente LQBTQIA+, incluindo depoimento de alguns deles, e divulgou a hashtag #ProudToCreate (no Brasil, #CriandoOrgulho), convidando o público a compartilhar o que tem orgulho de ter criado.

“Nós temos orgulho das contribuições que vocês fizeram para a plataforma. Vocês ajudaram a fazer o YouTube o que ele é hoje”, diz o comunicado. “Nós queremos contar ao mundo o quanto estamos orgulhosos dos nossos criadores LGBTQIA+ e nossa grande comunidade. Nós esperamos que você se junte a nós celebrando todos que estão #ProudToCreate (“orgulhosos para criar”, em tradução livre) um futuro melhor com imaginação, criatividade, talento e verdade”.

A empresa também citou polêmicas recentes envolvendo anúncios com conteúdo violento indexados nos vídeos e dificuldade de monetização do conteúdo criado pelos influenciadores LGBTQIA+, afirmando que leva em conta as opiniões dos criadores. “O YouTube é uma plataforma aberta que apoia a liberdade de expressão dos criadores com uma grande variedade de pontos de vista. Não permitimos anúncios pagos que depreciam pessoas com base no que elas são e removemos os anúncios que violam esse princípio básico”.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Campanha

  • LGBTQ+

  • Mês do orgulho LGBT

  • youtube

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”