Estratégias de busca no planejamento de ações

Buscar

Estratégias de busca no planejamento de ações

Buscar
Publicidade

Comunicação

Estratégias de busca no planejamento de ações

Painel do ProXXIma Garage explica como as ferramentas de marketing de busca precisam dar suporte as ações offline


4 de maio de 2011 - 10h51

O primeiro encontro Garage da edição 2011 do ProXXIma aconteceu nesta quarta-feira 4, e apresentou o mundo das buscas na internet. O painel oferecido pelo Serasa Experian para divulgar a sua ferramenta Hitwise, abordou a inteligência de busca de mídia e de mercado para medir e maximizar resultados na web. A ferramenta monitora tendências de comportamento e permite apurar qual é a experiência do internauta quando ele está navegando na internet. Hoje a tecnologia tem 38 milhões de termos distintos buscados. Nesta semana a Serasa Experien lançou um aplicativo no Apple Store com um aperitivo do Hitwise.

O palestrante, Leonardo Naressi, sócio diretor de inovaççao de tecnologia da Direct Performance, explicou como usar a inteligência debusca aliada as redes sociais. O profissional apresentou um estudo do Hitwise que mostra que 60% do tráfego das redes sociais é gerado por buscadores e 37% das pessoas seguem para os endereços de busca após as redes sociais.

De acordo com a amostragem o Orkut é a rede que mais recebe visitantes após os internautas usarem os serviços de busca, com 80% do tráfego. Um fator determinante para esse número foi a abertura das comunidades da rede para os usuáruis. Já o Facebook é a terceira das redes e uma das que menos se aproveita deste trânsito com os buscadores, apenas 27% das pessoas que usam os serviços de busca acabam migrando para o Facebook.

Entre os cases apresentados por Naressi estava o de Devassa 2010, que gerou buzz com a hashtag #bemmisteriosa. O resultado foram 80 mil tweets e a permanência do termo no trending topics por uma semana na ocasião. Cerca de 73% das buscas pelos usuários resultaram em visita ao site oficial. Para o executivo, o mérito da campanha é que o site estava otimizado para ser encontrado pelos buscadores. Naressi destacou que os meios não se excludentes e a simbiose está ficando cada vez mais clara.

Segundo um estudo apresentado por Alexandre Kavinsky , CEO da i-Cherry, 39% das pessoas acreditam que uma marca bem posicionada é líder de seu segmento. Um levantamento do Google mostra que 37% buscas de termos é gerada pela TV e 30% do impresso, 20% do ponto de venda e 17% do rádio. Por isso é preciso pensar em investir em mídias offline para dar suporte e cobertura para o online, com o objetivo de não deixar que a concorrência se aproveita pelo buzz gerado pelo produto.

Para finalizar, Thiago Bacchin, presidente da Digital Branding Group e CEO da Cadastra, ressaltou a importância dos e-commerces usarem os buscadores para impulsionarem suas vendas, aparecendo de maneira correta para os consumidores. O executivo enfatizou que é preciso ter uma estrutura mínima com uma equipe própria e especializada dedicados para Adwords, SEO, Métricas e Inteligência de pessoas.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Com Omo, Vinicius Jr amplia time de parcerias publicitárias

    Com Omo, Vinicius Jr amplia time de parcerias publicitárias

    Marca da Unilever escolhe jogador para celebrar duas décadas da campanha Se Sujar Faz Bem; Clear, Nike, Gatorade são outros anunciantes a firmar parceria com o craque nos últimos dias

  • Volkswagen mantém conta de mídia global na PHD

    Volkswagen mantém conta de mídia global na PHD

    A PHD, operação do Omnicom, manteve a conta de mídia do grupo Volkswagen após participar de processo de concorrência