O trunfo do jornalista como garoto propaganda

Buscar
Publicidade

Comunicação

O trunfo do jornalista como garoto propaganda

Depois de migrar para o entretenimento, figuras como Fátima Bernardes, Pedro Bial e Evaristo Costa ganham holofotes nas campanhas

Renato Rogenski
3 de abril de 2019 - 10h22

Frame da campanha do Netflix (Crédito: reprodução/ Youtube)

Seja por conta da sua capacidade de comunicação peculiar, a credibilidade de sua imagem ou mesmo a popularidade em alguns casos específicos, o fato é que jornalistas que migraram nos últimos anos para o entretenimento, ou que deram um tempo da atividade, têm conseguido fechar diversos contratos de propaganda nos últimos anos. Fátima Bernardes, Pedro Bial, Patrícia Poeta, Ana Paula Padrão e Evaristo Costa são alguns exemplos clássicos. Cada um com o seu estilo, uns trazendo seriedade, outros descontração, esses novos personagens se colocam como opções antes não muito usuais para comunicar os mais diversos serviços e produtos.

O caso mais recente é o de Evaristo Costa, que no último domingo (31) protagonizou breaks comercias que anunciavam a maior reformulação dos últimos 24 anos de Omo, tradicional marca de lava roupas da Unilever. Ex apresentador na TV Globo, ele é atualmente um influencer com mais de 10 milhões de seguidores, somando todos os seus perfis nas suas redes sociais. Com um estilo de comunicação mais irrevente, o jornalista também  fez um post em suas redes sociais que mostrava o seu rosto e a frase: “É mais que Omo. É um omão da p****”.

“O nome do Evaristo Costa surgiu naturalmente. Reconhecido por muitos por sua credibilidade e carisma, também passou por um processo de reinvenção nos últimos anos, assim como está acontecendo com Omo. Sabíamos que ele era a escolha certa para estar conosco nesse momento de renovação. Contamos com  Evaristo Costa para reforçar a credibilidade dos lançamentos de Omo ao longo de 2019. Falar sobre lavagem de roupas não precisa ser sério, então acreditamos que o tom descontraído que ele traz”, afirma Giovanna Gomes, diretora de marketing de Omo.

Abrindo caminhos no primeiro momento a partir de uma parceria com o Ponto Frio, Evaristo já protagonizou campanhas para outras empresas, como a Kitano, marca de temperos e especiarias da General Mills e a Netflix. Outra que aproveittou o potencial do jornalista como garoto propaganda foi a empresa digital de investimentos Rico, em campanha criada pela F.Biz.

“O Evaristo empresta para a marca sua credibilidade como jornalista, que envolve a preocupação para que a informação chegue ao público da forma mais clara e decodificada possível. Outros atributos importantes são o fato do jornalista apurar um assunto, e ouvir especialistas e fontes para informar o público. Afinal, o jornalista tem um compromisso com sua audiência quando escreve ou lê uma notícia. E isso é muito importante quando estamos falando de investimentos, um assunto que não é natural para o brasileiro”, acredita Fernanda Fontes, diretora de Conteúdo da F.biz

Outra figura que tem emprestado a sua imagem para diversos tipos marca em sua nova fase de carreira na televisão (agora na área de entretenimento) é Fátima Bernardes. Depois de anos ocupando a bancada do Jornal Nacional ao lado de William Bonner, a jornalista estreou na propaganda em 2014, com um filme para a Seara. Um dos mais recentes trabalhos na área é como garota-propaganda da rede de supermercados e hipermercados Extra, do Grupo Pão de Açúcar. As campanhas da marca são criadas pela Leo Burnett.

“Um bom jornalista já larga com a chancela da credibilidade, além de se assumir que é um profissional sério e, óbvio, bem informado. É por isso que o seu endosso para uma marca pode ser muito positivo. Além disso, é a possibilidade de usar uma personalidade que fuja do eixo ator-cantor-jogador de futebol. Como a entrada de jornalistas na publicidade é relativamente recente, ela permite outras opções de narrativas de quando se utilizam famosos. Os únicos pontos de atenção são a pertinência com o produto e a mensagem que se quer passar. Tem que ter um “fit” muito preciso”, explica Wilson Mateos, VP de criação da Leo Burnett.

Depois de passar para o entretenimento, quem também rumou para os caminhos da propaganda recentemente foi a jornalista Patrícia Poeta, que por anos foi a apresentadora do programa Fantástico, da TV Globo. No ano passado, ela foi anunciada como embaixadora da Renew, marca de antissinais da Avon. A marca usou essa virada na carreira da profissional para falar sobre a capacidade do produto de renovar a beleza das mulheres todos os dias. Não à toa, o mote das peças é “Dirija o filme da sua vida e reinvente-se infinitamente”,

Apesar de há anos estar muito mais atrelado ao entretenimento que ao jornalismo, principalmente por sua atuação como apresentador do reality show Big Brother Brasil, apenas recentemente o jornalista Pedro Bial tem utilizado com mais ênfase a sua imagem para promover serviços e produtos. Bradesco e Fiat são as marcas mais recentes que contrataram os seus serviços como garoto-propaganda. Em alguns casos, Bial aparece nos vídeos, em outros, ele faz apenas a locução dos comerciais, como no filme abaixo, criado pela Publicis.

Imagem de topo: Aryan Singh/ Unsplash

Publicidade

Compartilhe

Veja também