Holdings reavaliam participação no Cannes Lions em 2020

Buscar

Comunicação

Publicidade

Holdings reavaliam participação no Cannes Lions em 2020

WPP e Omnicom desistem de participar do festival, afirma a Campaign; organização do evento considera realizá-lo online


2 de abril de 2020 - 9h58

Nota atualizada às 15h24

Impactos sobre a economia levam holdings a reconsiderar participação no Festival Internacional de Criatividade de Cannes (Crédito: Eduardo Lopes)

As holdings estão reavaliando suas participações no Festival Internacional de Criatividade de Cannes. A organização adiou o evento, que normalmente ocorre em junho, para outubro. Mesmo assim, alguns grupos de comunicação estão considerando não comparecer ao evento por conta dos custos envolvidos – entre inscrições de prêmios, estadia e passagens áreas – em meio à possibilidade de uma recessão global.

Segundo reportagem da Campaign, o WPP, que já havia anunciado uma retenção de custos por meio de uma série de iniciativas, e o Omnicom não estarão no festival este ano. Diante da notícia, que não foi oficialmente confirmada pelas holdings, a organização do Cannes Lions estaria cogitando realizar todo o evento online, de acordo com o Ad Age.

Já a Dentsu Aegis Network, por sua vez, não bateu o martelo sobre sua ida à Cannes, mas afirmou que seria melhor que a organização do festival promovesse uma premiação virtual.

Também sob anonimidade, executivos do Interpublic afirmaram à reportagem da Campaign que o direcionamento global do grupo é de que não sejam alocados recursos em premiações, por enquanto.

A posição dos grupos Publicis e Havas ainda é incerta, destaca a publicação.

Na segunda-feira, 30, Simon Cook, managing director do Cannes Lions, divulgou uma carta à comunidade criativa global anunciando a abertura de um espaço no site oficial do festival para que criativos e profissionais compartilhem histórias e cases que surgiram ao longo da crise do novo coronavírus. “Seja você uma marca que está desenvolvendo higienizadores para as mãos, uma plataforma oferecendo conteúdo sobre saúde mental ou uma companhia ‘construindo avião em pleno voo’ para se adaptar às mudanças do mundo, a comunidade criativa quer ouvir seus insights e realizações”, disse Cook.

Palco oficial do Cannes Lions – e de diversos outros eventos que acontecem em Cannes, como o tradicional festival de Cinema – o Palais des Festivals vem sendo utilizado pela Prefeitura da cidade como abrigo para moradores de rua em meio à pandemia. Nos pavilhões, foram instaladas camas e estruturas de chuveiro e de alimentação para que as pessoas possam passar à noite. Há um lugar, inclusive, para abrigar os animais de estimação dessas pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • simon cook

  • Publicis

  • havas

  • WPP

  • Cannes Lions

  • Interpublic

  • dentsu

  • Omnicom

  • criatividade

  • Publicidade

  • Crise

  • premiacao

  • prêmios

  • Economia

  • Festivais

  • coronavírus

  • covid-19

  • pandemia

  • palais des festivals