Após Copa, marcas seguem apoiando futebol feminino

Buscar

Marketing

Publicidade

Após Copa, marcas seguem apoiando futebol feminino

Mesmo com final do torneio que resgatou a visibilidade do esporte, Giuliana Flores, Minds English, Saudali e Buser estão entre as marcas que mantém patrocínio a equipes pelo Brasil

Amanda Schnaider
7 de agosto de 2019 - 6h22

Um mês após a final da Copa do Mundo de Futebol Feminino, algumas marcas têm mantido o apoio ou entrado no debate sobre a modalidade e promovendo mudanças neste cenário. Além das diversas campanhas da época da Copa na França, como “Com Você Eu Jogo Melhor”, criada pela So What para o Grupo Boticário; “Seleção feminina é #CoisaNossa”, da AlmapBBDO para o Guaraná Antarctica; e “Eu torço por todas”, da Mutato para o Itaú, outras marcas estão indo além, apoiando times femininos de futebol do Brasil.

A Giuliana Flores anunciou seu patrocínio ao futebol profissional feminino do São Paulo, até o fim do ano, com o objetivo de fortalecer e dar visibilidade para a categoria. “A proposta de patrocínio previa inicialmente apenas a temporada de 2019, com jogos até meados de outubro, mas entendemos que estender o projeto até o final do ano seria muito mais coerente pois nos possibilita atuar também na pós-temporada”, comenta Rodrigo Machado, gerente de marketing da companhia.

 

Equipe feminina do Corinthians tem aulas com a Minds English no Parque São Jorge (Crédito: Divulgação)

Rodrigo também diz que por ser a primeira vez que a marca patrocina a modalidade, precisam de um tempo de adaptação antes de fecharem novas temporadas. “A Copa do Mundo nunca foi um alvo, acabou sendo uma consequência do nosso trabalho, pois o projeto de construção e apoio ao esporte alinhado com nossos princípios sempre foi o foco”, diz o gerente.

Jogadoras do Cruzeiro com a marca da Saudali (Crédito: divulgação)

Além do São Paulo, a equipe feminina do Corinthians passou a contar com novos parceiros. O primeiro deles é a Minds English School, rede de escolas de inglês, que começou a patrocinar o time feminino em setembro de 2018 – ano em que a equipe foi formada – e anunciou a renovação do patrocínio até dezembro de 2019. Renato Garcia, diretor de publicidade da empresa, afirma que a ideia é renovar o contrato. “Teremos a convenção da Minds English School em setembro em que acertaremos os próximos apoios.”

A rede de escolas, além de estampar o uniforme das jogadoras, dá aulas de inglês semanalmente tanto para as 24 atletas como para o restante da equipe envolvida na modalidade dentro do Parque São Jorge. Além disso, a Minds iniciou uma parceria com a Arena Corinthians. Renato comenta que o objetivo do apoio é oferecer benefícios para torcedores, para jogadoras da base e envolvidos em eventos e jogos na Arena. Hoje, o Fiel Torcedor tem 40% de desconto no curso de idiomas em todo o Brasil. A equipe feminina do Corinthians conta, ainda, com patrocínio da Positivo, que também estampa o uniforme do masculino.

Equipes femininas do Rio de Janeiro e de Minas Gerais também têm recebido o apoio de marcas. Em julho, o Frigorífico Industrial Vale do Piranga — Saudali anunciou patrocínio ao Cruzeiro até o fim do ano. César Godói, supervisor de marketing da empresa, afirma que a Saudali já atuava em parceria com o time desde 2018, fornecendo produtos para compor a alimentação dos jogadores. “Em uma reunião recente, apresentamos ao clube o nosso interesse em patrocinar o time de futebol feminino e eles comentaram que haviam formado a equipe este ano. Poucas semanas depois, recebemos a proposta formal deles e, com autorização de Adriano Pacheco, nosso diretor comercial, fechamos o acordo”, comenta César.

Atletas do Flamengo: Buser fechou patrocínio até o fim de 2019 (Crédito: Marcelo Cortes)

Para ele, é tendência que esse tipo de apoio se intensifique. “Com a visibilidade proporcionada pela cobertura da Copa do Mundo neste ano, o futebol feminino tem conquistado espaço no cenário esportivo nacional. Assim, unimos nosso interesse em apoiar o esporte feminino com a oportunidade concedida pelo Cruzeiro”, reforça.

Ainda em julho, o aplicativo de fretamento colaborativo de ônibus Buser se tornou o novo patrocinador oficial do Flamengo. De acordo com a plataforma, o logo da companhia estampará as mangas do uniforme do time profissional feminino e masculino, e as costas do time masculino sub 20, até o fim de 2019, com possibilidade de renovação.

“Quando conversamos com o Flamengo, estávamos pensando no esporte como um todo. O gênero e a modalidade não eram fatores de exclusão. Então conseguimos colocar a equipe feminina dentro da negociação” afirma Fátima Bana, diretora de marketing da Buser. Ela ainda comenta que, além do patrocínio, a plataforma será a solução de transporte da equipe rubro-negra até o final do ano.

*Crédito da imagem no topo: Marcelo Cortes

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Renato Garcia

  • César Godói

  • Rodrigo Machado

  • fátima bana

  • corinthians

  • Cruzeiro

  • Flamengo

  • são paulo

  • Giuliana Flores

  • Buser

  • Minds English School

  • Saudali

  • marketing

  • esporte

  • patrocínio

  • copa do mundo

  • igualdade de gênero

  • Futebol feminino