Globo define estratégia e amplia presença em voz

Buscar

Mídia

Publicidade

Globo define estratégia e amplia presença em voz

Após investimento na expansão do portfólio de podcasts, grupo aumentará oferta de conteúdo disponível no Google Assistente e Alexa

Luiz Gustavo Pacete
29 de outubro de 2019 - 6h00

 

O conteúdo de Malhação foi um dos que estiveram disponíveis pela Globo no Google Assistente (Crédito: Artur Meninea/Gshow)

Um portfólio de 64 podcasts, esse é o saldo do investimento do Grupo Globo na plataforma de áudio. Após experiências consolidadas de unificação das marcas como Globo News e G1, por exemplo, a empresa pretende ampliar sua atuação em voz apostando que o próximo ciclo será o de assistentes como Google Assistente e Alexa, da Amazon. De acordo com Renata Fernandes, head de mídia digital da Globo, o podcast é uma experiência bem-sucedida, mas limitada, e os assistentes de voz atendem a uma audiência “que quer conversar e buscar experiências de consumo de conteúdo mais agradáveis”.

“Buscar uma receita durante o preparo de uma refeição sem utilizar as mãos, por exemplo, é uma experiência que faz sentido para quem consome conteúdo e está entre os grandes diferenciais de um assistente de voz”, disse Renata durante o Audio Day, evento do Grupo Globo realizado na noite desta segunda-feira, 28, em São Paulo, para mostrar as iniciativas da empresa no uso das tecnologias de voz. Renata ressaltou, por exemplo, programas como o G1 e GloboEsporte.com que foram disponibilizados na Alexa em outubro, além do conteúdo do G1 Eleições, Receitas GShow e Malhação, este último, que já foi oferecido no Google Assistente.

“Esse é um tema que eu adoro e estamos muito felizes em contar com todos os presentes para discutir esse fenômeno que é o crescimento do mercado de áudio. Um fenômeno que muda o jogo para muitas empresas, muitos consumidores e que iremos viver juntos daqui para frente. Uma nova forma de produzir conteúdo, editorial e publicitário, em um formato que desmonta as possibilidades de entregas tradicionais. Um universo em que as marcas ganham muita relevância porque se misturam de forma muito mais fluída com o conteúdo”, afirmou Eduardo Schaeffer, diretor de Negócios Integrados da Globo, na abertura do Audio Day.

 

Camila Olivo, Cléber Machado, Renata Lo Prete e Fernando Luna falam sobre o potencial do áudio como conteúdo (Crédito: Divulgação Globo)

 

Ainda de acordo com Renata, os assistentes permitem um outro tipo de interação das pessoas com a informação. “Nossa experiência com Malhação, por exemplo, mostrou que existe um tipo de conteúdo que também é super aderente ao público jovem. Percebemos nesse período de uso dos assistentes que, 43% da nossa audiência do Receitas GShow, por exemplo, pretendem desenvolver um prato buscando a receita via assistente. Outros 55% da base do G1 afirmaram que solicitaram opiniões de candidatos sobre temas específicos durante as eleições via assistentes de voz. Nós estamos engatinhando no uso de assistentes, no entanto, como produtores de conteúdo estamos dispostos a entender como o próprio consumidor vai agir e experimentar essa ferramenta”, afirma.

Nos próximos meses, a Globo deve disponibilizar um serviço exclusivo para a programação que irá permitir que as pessoas tirem dúvidas sobre os conteúdos e seus horários de exibição. O serviço estará disponível no Google Assistente e na Amazon Alexa. O Receitas Gshow, até então disponível apenas no Google Assistente, chegará também à Alexa. Ainda em fase de finalização, o assistente G1 No Seu Tempo permitirá que as pessoas escolham entre conteúdos de 1, 3 ou mais minutos, adequando o consumo ao momento em estão vivendo. No início de 2019, foi disponibilizado o Receitas Gshow, que permite realizar pesquisas de voz sobre os pratos do Gshow e também oferece as Receitas do Dia, que são exibidas nos programas da Globo, como o É De Casa e o Mais Você. Além das buscas, o assistente também lê todos os ingredientes e o passo a passo da opção escolhida.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • eduardo schaeffer

  • renata fernandes

  • Google

  • Amazon

  • Globosat

  • cbn

  • Grupo Globo

  • TV Globo

  • g1

  • assistentes de voz

  • podcasts

  • google assistente

  • Aúdio

  • assistentes pessoais

  • Assistentes Virtuais

  • Echo

  • Alexa

  • Inovação

  • tecnologia

  • Conteúdo

  • midia

  • digital

  • inteligência artificial

  • Plataformas

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”