Anúncios no cinema geram mais atenção do público

Buscar

Anúncios no cinema geram mais atenção do público

Buscar
Publicidade

Mídia

Anúncios no cinema geram mais atenção do público

Pesquisa encomendada nos Estados Unidos pela National CineMidia à Lumen Research mostra que meio se destaca em comparação com outros canais


15 de março de 2023 - 18h38

Do Ad Age

Os anúncios exibidos no cinema têm poder de atrair mais a atenção dos espectadores, de acordo com uma pesquisa encomendada pela National CineMidia, dos Estados Unidos, à Lumen Research, em colaboração com a Dentsu.

A pesquisa mostra que a pontuação de atenção dos anúncios exibidos no cinema é de quatro a sete vezes maior do que a publicidade em TVs, TVs conectadas, mídias sociais e digital.

O estudo incluiu um pesquisa a respeito de como os anúncios vistos no cinema afetaram a lembrança e a preferência das pessoas pelas marcas. Esse é o primeiro estudo do tipo que a Lumen realiza nos Estados Unidos. A empresa de pesquisas já havia avaliado a publicidade nos cinemas nos mercados do Reino Unido e Austrália.

Para os filmes publicitários de 15 segundos, por exemplo, os anúncios exibidos nos cinemas tiveram uma pontuação de 72 em termos de atenção da audiência. Um anúncio de 15 segundos exibido na TV linear gera uma pontuação de atenção de 15 a 17. Nas plataformas digitais, a pontuação de atenção ficou entre 11 e 12, segundo o estudo.

“É importante observar não apenas se as pessoas veem os anúncios, mas por quanto tempo elas assistem. Quanto tempo se olha para eles é um importante fator para mudar a opinião das pessoas sobre uma marca. Descobrimos que o relacionamento é consistente em todas as mídias. Mais atenção gera melhores resultados”, disse Mike Follet, managing director da Lumen.

Foco de atenção cresce

A pesquisa surge em um momento em que os anunciantes se preocupam mais com a atenção que as pessoas dedicam a sua publicidade. Grupos como IAB e a Advertising Research Foundation lançaram iniciativas para desenvolver padrões e estudar o papel da atenção na publicidade.

O estudo também é divulgado em um momento em que a publicidade no cinema precisa de um impulso nos Estados Unidos. As vendas de ingressos se recuperaram no ano passado (com aumento de 60%, para US$ 314 milhões nas duas principais redes: AMC e Cinemark), mas ainda estão em níveis menores do que em 2019.

A NCM, empresa que comercializa publicidade para três quartos das salas de cinema dos Estados Unidos, espera reportar uma receita de US$ 242,5 milhões a US$ 252,2 milhões no ano passado. Isso é mais do que o dobro de sua receita no ano anterior, mas ainda bem abaixo dos US$ 445 milhões registrados em 2019.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Globo tem faturamento recorde de publicidade no primeiro trimestre

    Globo tem faturamento recorde de publicidade no primeiro trimestre

    Impulsionada pelo BBB 24, empresa arrecadou R$ 2,33 bilhões com negociações comerciais, 18% a mais do que no início de 2023

  • RedeTV! e Uol firmam parceria e promovem debates eleitorais

    RedeTV! e Uol firmam parceria e promovem debates eleitorais

    Veículos preparam debates nas eleições municipais de São Paulo em setembro e outubro, para o caso de segundo turno