Threads: o app da Meta para rivalizar com o Twitter

Buscar

Threads: o app da Meta para rivalizar com o Twitter

Buscar
Publicidade

Mídia

Threads: o app da Meta para rivalizar com o Twitter

Novo app da Meta deve ser lançado em meados de julho, com feed similar ao do Twitter e integração com redes da big tech


27 de junho de 2023 - 14h27

Meta e twitter

(Crédito: TY-Lim_Shutterstock)

Desde que o Twitter foi comprado por Elon Musk, diversas empresas propuseram-se a desenvolver apps similares ao do passarinho azul – entre elas, a Meta. Segundo o The Verge, com base em um relatório, o produto deve ser lançado em meados de julho.

Batizado internamente de Projeto 92, a plataforma de blogs em formato curto pode ser apresentada aos usuários como Threads. Uma vantagem que a companhia de Mark Zuckerberg desfruta é a integração com o Facebook e Instagram, bem como uma boa relação com anunciantes. Estes podem potencialmente migrar para o novo serviço.

A relação com anunciantes é uma das principais questões para o Twitter, desde que o magnata assumiu a liderança. A companhia perdeu dois terços em valor de mercado, valendo US$ 14,75 bilhões. Espera-se que a relação com marcas seja retomada na nova fase do Twitter, com a nova CEO, Linda Yacarino, à frente da empresa de tecnologia.

Ademais, segundo a CNBC, a empresa estaria buscando também instituições, celebridades e organizações de notícias. Isso fará com que tornem-se usuários e também alimentem a receita de publicidade da plataforma. A mesma reportagem aponta que Chris Cox, diretor de produtos da Meta, apontou que a big tech estava em conversas com figuras públicas como Dalai Lama e Oprah Winfrey.

O primeiro anúncio do possível lançamento foi feito ainda em maio. As novidades foram comunicadas por Lia Haberman, CMO do Fit Body App, em sua newsletter – com base em informações que parecem ter sido vazadas da companhia. Anteriormente, à CNBC, a Meta confirmou que estaria “explorando uma rede social descentralizada autônoma para compartilhar atualizações de texto”, afirmando a concorrência com o Twitter.

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Band terá oito marcas na Fórmula 1 em 2024

    Band terá oito marcas na Fórmula 1 em 2024

    Por mais um ano como detentora oficial das transmissões da competição, grupo consegue patrocínios másters de Claro, Heineken, McDonald’s e Stone, além de outros cotistas

  • Max estreia no Brasil com foco em novelas e no Oscar

    Max estreia no Brasil com foco em novelas e no Oscar

    Plataforma de streaming substitui HBO Max e agregará o conteúdo do Discovery+; serviço oferece modelo de assinatura com publicidade