Cannes Lions: 14 brasileiros presidiram júri nas últimas dez edições

Buscar

Cannes Lions: 14 brasileiros presidiram júri nas últimas dez edições

Buscar
Publicidade

Comunicação

Cannes Lions: 14 brasileiros presidiram júri nas últimas dez edições

Com a escolha de Anselmo Ramos (Gut) e Diego Machado (AKQA) para os trabalhos deste ano, Brasil segue emplacando presidentes em todas as edições desde 2015


23 de janeiro de 2024 - 6h01

Painelistas Cannes Lions

(Crédito: Celina Filgueiras)

Na semana passada, a organização do Cannes Lions já deu o pontapé inicial da edição de 2024 ao anunciar os presidentes de júri de cada uma das 29 categorias. E, mais uma vez, profissionais brasileiros fazem parte da lista.

Na edição deste ano, que acontece de 17 a 21 de junho, dois brasileiros terão a missão de comandar a avaliação dos cases inscritos em suas áreas. Anselmo Ramos, fundador e creative chairman da Gut, será presidente de Brand Experience & Activation, enquanto Diego Machado, CCO global da AKQA, estará à frente da categoria Innovation.

De acordo com a organização, os presidentes de júri das 29 categorias são representantes de 15 diferentes mercados. Essa maior diversidade tem sido, aliás, uma iniciativa da organização – impulsionada, principalmente, pela cobrança global da indústria criativa – pela adoção de um olhar mais plural e representativo no Festival.

Por essa mesma lógica – e, também, pelo desempenho notável dos trabalhos criativos brasileiros inscritos no evento – o Cannes Lions tem aberto mais espaço aos brasileiros na presidência do júri já há algum tempo.

Para fazer um recorte mais recente, de 2015 para cá, todas as edições do mais importante festival de criatividade do mundo contaram com brasileiros como presidente de júri. Antes, outros nomes do mercado de comunicação já haviam, também, representado o País na liderança de grupos de jurados. A exceção, obviamente, é o ano de 2020, quanto o festival foi cancelado por conta da pandemia de Covid-19. Os trabalhos daquele ano foram avaliados em 2021.

Histórico dos brasileiros como presidentes de júri do Cannes Lions

Com Anselmo Ramos e Diego Machado já confirmados como líderes de grupos de jurados nesta próxima edição, o Brasil já terá um volume maior entre os presidentes do que em 2023.

No ano anterior, a única a representar o País entre os presidentes foi Samantha Almeida, diretora de diversidade e inovação em conteúdo dos Estúdios Globo. A executiva foi escolhida para presidir os trabalhos da categoria Social & Influencer.

O Brasil chegou a ter três presidentes de júri no mesmo ano, recorde para o País no Festival. Foi em 2022, quando Luciana Haguiara (na época, na Media.Monks); Patricia Corsi, da Bayer, e Marcel Marcondes, da Beyond Beer (AB Inbev) foram escolhidos para supervisionar os trabalhos de grupos de júri, ajudando a definir os vencedores dos Leões.

Alguns brasileiros tiveram a experiência de presidir júri por mais de uma vez. É o caso de PJ Pereira, co-fundador da Pereira & O’Dell, que foi presidente de júri em 2017 e 2019. Já Luiz Sanches, promovido neste ano a CCO de multinational accounts, na BBDO, foi presidente de júri em 2021 e em 2019.

Veja, abaixo, os presidentes de júri brasileiros nas últimas dez edições do Cannes Lions:

2024

Anselmo Ramos (Gut) – Brand Experience & Activaction
Diego Machado (AKQA) – Innovation

2023

Samantha Almeida (Globo) – Social & Influencer

2022

Luciana Haguiara (na época, Media.Monks) – Digital Craft
Marcel Marcondes (AB Inbev) – Entertainment for Sport
Patricia Corsi (Bayer) – Health & Wellness

2021/ 2020

Luiz Sanches (BBDO) – Outdoor

2019

PJ Pereira (Pereira & O’Dell) – Social & Influencer
Jaime Mandelbaum (VMLY&R Europa) – Brand Experience & Activaction

2018

Luiz Sanches (na época, AlmapBBDO) – Film
Fernando Machado (na época, Burger King) – Creative Effectivenes

2017

PJ Pereira (Pereira & O’Dell) – Entertainment
Mario D’Andrea (na época, Dentsu Brasil) – Radio

2016

Ricardo John (na época, J. Walter Thompson) – Outdoor

2015

João Daniel Tikhomiroff (Mixer) – Film
Joanna Monteiro (na época, FCB Brasil) – Mobile

Publicidade

Compartilhe

Veja também

  • Burger King traz “Greg” de Todo Mundo Odeia o Chris para campanha

    Burger King traz “Greg” de Todo Mundo Odeia o Chris para campanha

    Em passagem pelo Brasil, Vincent Martella, brinca com sua popularidade no País em campanha do BK

  • Apenas 8% dos negros ocupam cargos de liderança no Brasil, diz pesquisa

    Apenas 8% dos negros ocupam cargos de liderança no Brasil, diz pesquisa

    Realizada pelo Indique uma Preta e Cloo, a pesquisa revela ainda que menos de 5% das lideranças das 500 maiores empresas do País são negras