Companhias aéreas embarcam no esquenta da Black Friday

Buscar

Comunicação

Publicidade

Companhias aéreas embarcam no esquenta da Black Friday

Empresas buscam oportunidades comerciais do início ao fim do mês, apesar de foco na última semana de novembro

Salvador Strano
19 de novembro de 2019 - 6h00

Com o mote “E você, qual seu próximo voo?”, a Latam oferece até 35% de desconto durante o esquenta da Black Friday. (Crédito: Matheus Obst/istock)

Para aproveitar a oportunidade comercial da Black Friday ao máximo, companhias aéreas nacionais já iniciaram parte de suas promoções para a data. Com isso, além de buscar um aumento nas vendas em comparação aos outros meses do ano, as empresas podem, também, já preparar o terreno para as promoções mais agressivas na semana em si e na própria sexta-feira.

A Latam, por exemplo, desde o início do mês oferece preços diferenciados. Segundo a companhia, as ofertas podem chegar a 35% de desconto, tanto para pacotes ou serviços individuais. Com o mote “E você, qual seu próximo voo?”, a Latam Travel, operadora da companhia, passou a oferecer entre outros produtos, 15% de desconto nos ingressos de cinco dias nos parques da Disney, em Orlando, nos EUA.

Já a Gol, por outro lado, atua desde o início do mês com promoções nacionais. No início do mês, seus clientes tiveram acesso a códigos promocionais para Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Entre Brasília e Rio de Janeiro, por exemplo, a tarifa, incluindo taxas, é de R$ 139,39. Além disso, por comunicado, a empresa afirmou que “como líder no segmento aéreo no Brasil, a Gol está preparando as melhores ações para beneficiar seus clientes na Black Friday. Ao longo do mês haverá ainda outras iniciativas”, finaliza.

O ponto fora da curva, por outro lado, é a Azul. A companhia concentrará seus esforços de marketing na semana da data, explica Fábio Marão, gerente de marketing integrado da empresa. Com o amadurecimento da Black Friday no Brasil, “detectamos no cliente uma movimentação de espera para comprar o produto que ele busca”, afirma.

Para a data, o grupo inteiro – que inclui Linhas Aéreas, Azul Cargo Express, Azul Viagens e Tudo Azul – oferecerá preços promocionais, explica Fábio. Comandando a operação, a in-house criada em parceria com a Oliver, chamada de Media Intelligence & Performance, será responsável por um estudo de caso sobre o comportamento do consumidor durante promoções relâmpago. “O crescimento da Black Friday permite que experimentemos novos formatos de venda para usuários ao longo do ano”, explica Fábio.

Além do trabalho de performance, haverá um esforço publicitário para a data feito pela Isobar, agência parceira da companhia.

Série histórica 

No ano passado, o maior desconto médio de passagens para um único destino foi capital da Bahia, aponta levantamento da plataforma Kayak. A queda média nos preços para Salvador foi de 17,7% em comparação à semana anterior à Black Friday. Em seguida, Orlando (17,5%) e Maceió (15,8%), foram os destinos com maior queda média nos preços.

O levantamento aponta, a valorização da data pelas empresas. Doze dos quinze destinos mais buscados durante a Black Friday de 2018 apresentaram preços médios de passagens aéreas mais baixos em relação às semanas anterior e seguinte. Em 2017, o cenário foi contrário: apenas três do top 15 estiveram mais baratos na data.

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Fábio Marão

  • Gol

  • Latam

  • Azul

  • Kayak

  • Black Friday

  • passagens aéreas

  • companhias aéreas

Comente

“Meio & Mensagem informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de M&M gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”