Marcas lançam produtos para falar sobre Outubro Rosa

Buscar

Comunicação

Publicidade

Marcas lançam produtos para falar sobre Outubro Rosa

M&M's e Subway lançam produtos especiais para incentivar a conscientização a respeito da prevenção da doença

Valeria Contado
6 de outubro de 2021 - 16h03

M&M’s mudam de cor para falar sobre Outubro Rosa (Crédito: Divulgação)

O mês de outubro é marcado por ser um período de conscientização a respeito do câncer de mama, que acomete três em cada 10 mulheres no Brasil, segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia. Por isso, muitas marcas destacam o tema, por meio de produtos que visam ajudar na conscientização  a respeito da prevenção e, também, auxiliar ongs.

Esse foi o caso da M&M’s. A empresa pertencente ao grupo Mars lançou um produto, em edição limitada, substituindo as tradicionais lentilhas coloridas por chocolates cor de rosa. Além disso, no varejo, a marca irá oferecer descontos regressivos para reforçar que cada dia na luta contra o câncer de mama conta.

Nas redes sociais, M&M’s contará com jornalistas e influenciadores, como Camilla de Lucas, Suzana Gulo, Dora Figueiredo, Camila Pinheiro e Tiago Abravanel, que irão receber uma embalagem com redução do produto para destacar a importância do diagnóstico precoce da doença. A ação teve como influência o dado da Sociedade Brasileira de Mastologia que explica que as chances de cura aumentam em 95% entre as pacientes que são diagnosticadas cedo.

Parte da venda será destinado à ONG Américas Amigas (Crédito: Divulgação)

Também com o objetivo de chamar a atenção sobre a conscientização a respeito do câncer de mama, o Subway lançou nesta semana um cookie a cor rosa. Com sua massa tradicional de baunilha e gotas de chocolate branco, o produto ficará disponível nas lojas da marca até o final de outubro.

Parte do lucro das vendas do cookie cor de rosa serão destinadas à organização não-governamental Américas Amigas, que desde sua fundação, em 2009, promove ao longo do ano doações de exames de detecção e diagnósticos, além de equipamentos e capacitação de profissionais. A ONG luta pela queda das mortes causadas pela doença.

Publicidade

Compartilhe