BBDO contrata primeiro chefe de diversidade e inclusão

Buscar

Gente

Publicidade

BBDO contrata primeiro chefe de diversidade e inclusão

Jason Rosario, apresentador da websérie "Dear Men", do Yahoo! News, assume vaga recém-criada pela rede em setembro


19 de agosto de 2020 - 6h00

Do Advertising Age

Jason Rosario (Crédito: Divulgação)

A BBDO Worldwide contratou Jason Rosario para o posto de chief diversity, equity and inclusion officer. Ele foi produtor executivo e apresentador da websérie “Dear Men”, do Yahoo! News. Um porta-voz da BBDO confirmou a informação ao Ad Age que esta é a primeira vez que a rede aponta um profissional para essa função no C-level.

Rosario começa a exercer o cargo em 8 de setembro e se reportará, de Nova York, para Andrew Robertson, CEO e presidente da BBDO Worldwide. O profissional terá de fazer parcerias com a liderança para “impulsionar planos e políticas de diversidade da agência, recrutamento, retenção, treinamento, educação e elevar o trabalho da rede para avançar nas questões de diversidade, equidade e inclusão na indústria e na sociedade”, afirmou a BBDO.

O profissional contou ao Ad Age que a posição o interessou porque, diferentemente de outras posições de chief diversity, equity and inclusion officer, que, segundo ele, geralmente ficam restritas ao departamento de recursos humanos, passa por todas as áreas da agência.

“Tudo o que fiz na minha carreira até agora me trouxe para este momento. Estamos em uma época importante no mundo. Conversas sobre diversidade, equidade e inclusão são fundamentais para como queremos avançar. Não pensei duas vezes ao ter a oportunidade de fazer este trabalho neste nível em uma agência icônica como a BBDO”.

Ao longo de sua carreira, Rosario trabalhou em empresas como Netflix, Spotify, Verizon, Huffington Post e Adcolor. Foi gerente de diversidade e inclusão global da Verizon Media antes de se tornar apresentador da “Dear Men”.
O grupo Omnicom, da qual a BBDO faz parte, publicou, no mês passado, seus dados de diversidade junto com um plano de ação denominado “Open 2.0” para alcançar a equidade na holding.

Compartilhe