Com Inter e Flamengo, Adidas homenageia mulheres e homens negros do futebol

Buscar

Marketing

Publicidade

Com Inter e Flamengo, Adidas homenageia mulheres e homens negros do futebol

Iniciativa foi inspirada no manifesto “Excelência Negra”, criado por Marcelo Carvalho, do projeto Observatório Racial do Futebol

Valeria Contado
18 de novembro de 2021 - 16h34

Camisas de Inter e Flamengo são inspiradas no manifesto “Excelência Negra (Crédito: Divulgação)

A Adidas lançou nessa quarta-feira, 17,  camisas comemorativas para os clubes Internacional e Flamengo, que fazem uma homenagem a homens e mulheres negros do futebol. A camisa conta com design especial em preto, com um “patch” de um cabelo Black Power, com a frase “É a Coroa”, além de trazer detalhes inspirados no manifesto “Excelência Negra”, criado por Marcelo Carvalho, do projeto Observatório da Discriminação Racial no Futebol, e aplicados nos números do uniforme, com frases como “o negro no futebol brasileiro é a marca do Brasil” e “jogadores negros ganharam o mundo”.

Para a criação das novas camisas, a Adidas firmou parceria com o projeto Observatório Racial do Futebol, criado por Marcelo Carvalho. O autor conta que se inspirou em toda a paixão que viveu com o futebol quando criança. “As crianças olham para o futebol e tentam copiar atitudes dos seus ídolos. Por esses motivos que é importante demais que falemos sobre racismo sobre futebol”, comenta.

Por isso, para a Adidas, é tão importante se envolver e trazer essa discussão para o âmbito esportivo, que é um meio que amplifica muito as discussões sociais. Daniela Valsani, diretora sênior de marketing da Adidas Brasil, acredita que o esporte tem o poder de mudar vidas, e por isso, a marca se envolve em oferecer a melhor experiência para todos que o acompanham. “O esporte traz à tona questões da sociedade que devem ser refletidas e discutidas todos os dias”, avalia.

Marcelo concorda com a diretora,e explica que o Manifesto busca dar um destaque para a história da população negra no Brasil, que vai além do que é amplificado. “Nós temos uma história de vida, de luta e de vitórias. E o futebol nos dá essa possibilidade de levar essas histórias para todos os cantos do mundo”, sentencia.

Essa é a primeira vez que a Adidas desenvolve um projeto envolvendo questões raciais. Para isso, a marca contou com seus clubes parceiros, Internacional e Flamengo. Segundo informação do GE, o São Paulo, que é um dos apoiados pela marca, também seria incluí do na ação, mas não aprovou o design sugerido. Ainda segundo o portal, uma fonte afirmou que o clube sugeriu mudanças, mas que o modelo da camisa não foi aprovado. Em nota, a marca comentou a decisão: “Para todas as temporadas, a adidas trabalha de maneira conjunta com seus clubes parceiros na criação e aprovação dos uniformes de jogo, treino e roupas de viagem, ficando a critério do regimento de cada clube a definição sobre o uso de terceiras camisas e/ou uniformes comemorativos.”

O Internacional usou a nova camisa na partida diante do Cuiabá, nesta quarta-feira,17, e  as peças estão disponíveis para compra nas lojas Adidas.

Publicidade

Compartilhe