Ao vivo LIVE EFFIE AWARDS

Visão Geral: Regulamento, novidades e ficha de inscrição.

Com Marcelo Gomes, responsável pelo Effie Awards Brasil.

Estudo destaca papel de escolas no apoio ao jornalismo

Buscar

Mídia

Publicidade

Estudo destaca papel de escolas no apoio ao jornalismo

Ricardo Gandour apresenta prévia de pesquisa que realiza em Columbia

Igor Ribeiro
22 de junho de 2016 - 15h25

Na semana passada, Ricardo Gandour — diretor licenciado do Grupo Estado e professor colaborador da ESPM — apresentou em Cartagena, na Colômbia, uma prévia do estudo que conduz como pesquisador visitante da Columbia Journalism School, em Nova York. Por meio de um vídeo apresentado no congresso global da World Association of Newspapers and News Publishers (WAN-Ifra), ele destacou a importância crescente das escolas de jornalismo no atual contexto de produção e distribuição de conteúdo.

(Crédito: Reprodução)

(Crédito: Reprodução)

“Desenvolvi uma pesquisa sobre as características do novo ambiente jornalístico em formação, marcado pelo que denomino fragmentação digital, fenômeno ainda pouco estudado mas já muito debatido por muitos autores”, explica Gandour. “Tive a ideia de produzir uma animação, para usar uma linguagem contemporânea e que pudesse também impactar o público jovem. Meu intuito foi ser conciso e didático.”

Chamado The New Information Environment: Digital Fragmentation, o videocase (veja abaixo) mostra como a fragmentação de notícias em diversos canais de distribuição, nem sempre com a curadoria que costumava realizar a imprensa tradicional, cria um grande fluxo de rumores e conteúdo sem verificação de fatos. Segundo Gandour, esse é um atalho para o simples engajamento de audiência que “curte” ou não um assunto, deixando o debate sem nuances — um dos motivos principais para a polarização tão intensa de ideias como ocorre hoje.

A diferenciação entre jornalismo, entretenimento, opinião, propaganda e política torna-se difusa. Em algumas circunstâncias, o jornalismo passa a ser entendido como uma ferramenta, quando na verdade é um método

Nesse contexto, a diferenciação entre jornalismo, entretenimento, opinião, propaganda e política torna-se difusa. Em algumas circunstâncias, o jornalismo passa a ser entendido como uma ferramenta, quando na verdade é um método. Por isso aumenta a importância das escolas de jornalismo para formar profissionais, compartilhar os fundamentos da produção de conteúdo relevante e discutir sua importância enquanto um dos pilares da liberdade de expressão e democracia.

O videocase é um resumo de sua pesquisa, que será publicada em breve pela revista Columbia Journalism Review, editada também no Brasil em parceria com ESPM. Veja a animação a seguir:

Publicidade

Compartilhe

  • Temas

  • Ricado Gandour

  • espm

  • Grupo Estado

  • Columbia School

  • WAN-Ifra

  • midia

  • Publicidade

  • internet

  • digital

  • entretenimento

  • política

  • Informação

  • Opinião

  • jornalismo

  • nicho

  • fragmentação