Yahoo desenvolve estratégia para marcas na Black Friday

Buscar

Mídia

Publicidade

Yahoo desenvolve estratégia para marcas na Black Friday

Daniela Galego, sales manager e industry leader da empresa, explica o uso de algoritmos e inteligência de dados para gerar insights sobre a jornada do consumidor


20 de outubro de 2021 - 11h35

Daniela Galego, sales manager e industry leader no Yahoo (Crédito: Divulgação)

Unindo os meios físicos e online de compra, a Black Friday deste ano deverá ser a mais lucrativa da história, conforme estima o varejo. Neste cenário, as marcas devem ser capazes de entender os momentos de conteúdo dos consumidores ao longo da jornada, vivenciados em diversos canais. É o que defende Daniela Galego, sales manager e head of industry do Yahoo. Para auxiliar as marcas nesse sentido, a empresa criou estratégia para que os players compreendam, a partir de dados, os pontos de interesse dos clientes. Dessa forma, é possível entender as decisões de compra e direcionar mensagens personalizadas e incentivar a fidelização. 

Unindo estratégias de curto a longo prazo, a Yahoo aliou a expertise em mídia, tecnologia e inovação atuando em dez pontos principais: inteligência de dados, formatos que geram experiências, amplificação multi-tela, relevância contextual, otimização, transformação de ativações em experiências, engajamento e interatividade, o poder da influência, mensuração aberta e usuário no centro da comunicação. As soluções integradas visam aliviar o desafio das marcas de disputa pela atenção dos consumidores em meio a um bombardeio de informações, proporcionando meios para a criação de ações mais assertivas em meios como mobile, tv conectada, desktop. O algoritmo começou a ser testado em datas comemorativas pontuais, como a Semana da Pátria e o Dia das Crianças, e deverá seguir até o Dia do Solteiro, passando pela Black Friday e voltando à tona no Natal.  Daniela comenta sobre o evento e dá detalhes da estratégia do Yahoo.

Meio & Mensagem – A digitalização, que foi impulsionada pela pandemia e que ajudou a Black Friday do ano passado a registrar números recordes, deve provocar quais efeitos na Black Friday deste ano, em sua opinião?
Daniela Galego – Acredito que veremos novos recordes sendo batidos em 2021, uma vez que durante a pandemia o e-commerce se consolidou como o principal canal de compra para muitos consumidores. A data, que já era esperada em função de vantajosos descontos, deve alcançar novos patamares e públicos neste ano.

M&M – O Yahoo divulgou esse estudo que destaca a importância das marcas entenderem a jornada de seus consumidores para poderem oferecer ofertas mais convidativas da Black Friday. De que maneira é possível compreender essa jornada?
Daniela – Na verdade, não desenvolvemos um estudo, mas sim uma estratégia criada pelo nosso time de soluções apoiada no consumidor como ponto central, pois entendemos que compreender a jornada desse consumidor é fundamental para que as marcas tenham sucesso nessa data. Alcançar esse entendimento envolve se basear em dados de hábitos e comportamentos e cruzá-los com os meios e momentos de consumo. 

M&M – Na Black Friday, o maior atrativo para o consumidor costuma ser o preço (a oferta) oferecida pelas marcas. Além dessa questão, quais são os demais atributos que o consumidor tem levado em conta para escolher seus produtos?
Daniela  – Ao utilizar um canal de compra digital, para o consumidor é fundamental conhecer e confiar na marca, então vemos isso como mandatório. Por isso, recomendamos que os anunciantes reforcem a construção de awareness durante um período maior que apenas a Black Friday em si, pois isso gera mais confiança por parte dos consumidores e, consequentemente, melhores resultados.

M&M – De que forma a experiência omnichannel — ou seja, a interação com as marcas tanto nas lojas físicas quanto nas plataformas digitais — deve pesar na Black Friday de 2021?
Daniela – Esse ano, especialmente, estamos focando na jornada omnichannel tendo o digital como propulsor, sob o ponto de vista de mídia. Nossa abordagem omnichannel garante impactar o consumidor em diferentes pontos de contato e momentos ao longo de toda jornada e em diferentes formatos e momentos, como falamos. O Yahoo, por exemplo, está preparado para ajudar anunciantes que desejam impactar o consumidor no ambiente digital em formatos de mídia tradicionais e também através de formatos disruptivos como TV conectada, telas digitais de OOH, conteúdos customizados e até formatos AR/VR.

M&M – Na época da Black Friday, os consumidores são geralmente inundados com uma quantidade enorme de mensagens e impactos de ofertas de marcas e produtos. É possível, dentro desse ambiente digital, criar uma diferenciação de comunicação que impacte as pessoas de forma mais significativa? Como isso pode acontecer?
Daniela – Além da importância da ressonância da mensagem e da sua distribuição ajustada ao canal e ao momento de consumo desse conteúdo, acredito que formatos imersivos são grandes aliados nesse cenário. Através das diversas soluções de formatos interativos e imersivos conseguimos proporcionar conexões mais próximas entre a marca e o consumidor. Nesse sentido, um dos pilares estratégicos da Black Friday do Yahoo é conteúdo e contexto, em que é possível criar aproximação com os usuários por meio de temas relevantes.

*Credito da imagem de topo: audioundwerbung/iStock

Publicidade

Compartilhe